sexta-feira, 13 de julho de 2007

LULA É VAIADO NO MARACANÃ


Lula é escalado, mas não abre os Jogos Panamericanos
Rio - Após o discurso do Presidente do Comitê Executivo da Organização Desportiva Panamericana (ODEPA), Mário Vásques, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva deveria inaugurar os XV Jogos Panemricanos. Mas não foi o que aconteceu.
Vásques saudou os presidentes dos Comitês dos 42 países participantes. Agradeceu as delegações de terem vindo ao Brasil e pediu que vençam os melhores. Mas na hora de chamar Lula para abrir o evento, uma falha.
"Tenho honra de convidar o presidente Luiz Inácio Lula da Silva a que nos honre fazendo a declaração inaugural do nosso XV Jogos Panamericanos". Mas na verdade Carlos Arthur Nuzmann foi quem deu a palavra que abriu os Jogos. Não se sabe se houve algum problema técnico, mas o presidente não fez a declaração.
Durante o discurso do presidente do Comitê Olímpico Brasileiro Carlos Arthur Nuzmann, Lula foi vaiado pela quinta vez, e o governador Sérgio Cabral também recebeu vaias. Apenas o prefeito Cesar Maia foi aplaudido.

Nenhum comentário: