quarta-feira, 30 de junho de 2010

Reflexão


COM DEUS NÃO SE BRINCA.
Muitas pessoas estão brincando com a Palavra de Deus, mesmo alguns intitulados Pastores.
" Então, disse Davi a Gade: Estou em grande angústia; porém caiamos nas mãos do Senhor, porque muitas são as suas misericórdias; mas nas mãos dos homens não caia eu." 2 Sm 24:14
Davi sabia que com Deus não se podia brincar. Sabia, também, que Deus o podia socorrer
naquele momento de angústia.
Ele sabia que mãos humanas não podiam fazer nada para tirá-lo daquela situação angustiante em que se encontrava.
Meu irmão e minha irmã, pense bem na hora que tiver que tomar decisões na sua vida.
Entregue tudo nas mãos do Senhor Jesus.

UMA BOMBA PASTOR CONHECIDO E DESMASCARADO EM LONDRES

É assim que o Evangelho fica desacreditado.

Um desclalificado, intitulado Pastor e envergonhando a todos.

terça-feira, 29 de junho de 2010

Reflexão


2
Amado, desejo que te vá bem em todas as coisas, e que tenhas saúde, assim como bem vai a tua alma.
3 Porque muito me alegrei quando os irmãos vieram, e testificaram da tua verdade, como tu andas na verdade.
4 Não tenho maior gozo do que este, o de ouvir que os meus filhos andam na verdade.
5 Amado, procedes fielmente em tudo o que fazes para com os irmãos, e para com os estranhos,
6 Que em presença da igreja testificaram do teu amor; aos quais, se conduzires como é digno para com Deus, bem farás;
7 Porque pelo seu Nome saíram, nada tomando dos gentios.
8 Portanto, aos tais devemos receber, para que sejamos cooperadores da verdade.
3 João 2-8

Amados, viver em verdade, somente a verdade, é algo que agrada a Deus sobremaneira.
Estamos vivendo num mundo de mentiras, que quando alguém fala uma verdade é motivo de chacotas por parte dos colegas e "amigos".
Mesmo assim, sendo ridicularizados por muitos, não podemos deixar de pregar a verdade, que é Jesus Cristo, porque Ele se agrada de nós quando assim procedemos.
Meditem no texto acima e fique seguro quanto às promessas do Pai.
Aquele que não se envergonha Dele aqui, certamente não será envergonhado diante do Pai. Pense nisso!







segunda-feira, 28 de junho de 2010

BRASIL DEU DE CHILENA: 3 X 0

AGORA CHEGOU A HORA, E NÃO PODEMOS CORRER DA RAIA.
PEGAREMOS A HOLANDA COM SEU CARROSSEL E TUDO MAIS, MAS VAMOS COM CALMA AO POTE. OS HOMENS VÃO VIR COM TUDO PRA CIMA DA GENTE!

AVANTE BRASILLLLLLLL!!!!!!!!!!!!!!!!!

Reflexão

"Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em mim, ainda que esteja morto, viverá; e todo aquele que vive e crê em mim nunca morrerá. Crês tu isso?" Jo 11:25,26

A diferença entre Cristão e Evangélico explica isso:

Cristão > Aquele que crê em Jesus Cristo como Salvador do mundo através de sua morte pelos pecados da humanidade, e em seu sepultamento e ressurreição, conforme revela a Bíblia.

Evangélico > Cristão nascido de novo, que crê na Bíblia e segue a Palavra de Deus sem concessões, obedecendo a ordem de pregar o Evangelho a todas as pessoas em todos os lugares.

Onde você está enquadrado?
Cristão, Evangélico ou Cristão Evangélico?

Mesmo que você creia, pratique a Palavra de Deus, frequente uma igreja, etc., nunca deixe de conferir o que você ouve, em sua Bíblia.
Não importa a sua denominação. O que importa é o seu compromisso com o Pai, é a sua obediência a Ele.
Medite nessa palavra. Creia. Pratique e leve essa Palavra a toda pessoa que você conhece.
Deus te abençoe grandemente.

domingo, 27 de junho de 2010

REFLEXÃO.

" Por vossa dupla vergonha e afronta, exultarão pela sua parte; pelo que, na sua terra, possuirão o dobro e terão perfeita alegria."

O Senhor, por sua misericórdia, aborrece a iniquidade e ama o juizo.
Por isso dará recompensa em verdade.
Não se envergonhe de pregar o Evangelho do Senhor, pois Ele se agrada disso.
Cuide-se para se apresentar diante do Pai, com o dever cumprido diante dos homens.

sábado, 26 de junho de 2010

REFLEXÃO.


" E vos levarei à terra, acerca da qual jurei dar a Abraão, a Isaque e a Jacó; e vo-la darei como possessão: Eu sou o Senhor." Êxodo 6:8

Enquanto muita gente está apostando na derrota de Israel, nós temos a certeza da vitória.
A terra de Israel é a terra prometida por Deus a Abraão, a Isaque e a Jacó, bem como aos seus descendentes.
Não é dada a Ismael essa posse, porque ele não é o filho da promessa.
Assim querem os Islamitas, mas, mesmo tentando o povo de Israel a entregar parte de sua terra em troca de uma suposta paz, não haverá paz, porquanto não é dado ao homem fazer negócio algum com base em promessa feita por Deus para benefício próprio.
Hoje vemos até o nosso Presidente LULA, apoiando o Irã, contra Israel, num profundo desrespeito à Palavra de Deus e as suas promessas.
Vamos refletir sobre esse assunto, pois ainda vão acontecer muitas coisas que levarão o povo de Israel a sofrerem danos enormes por causa da desobediêcia da Palavra de Deus.

domingo, 20 de junho de 2010

CONTINUAÇÃO


ATÉ AGORA NÃO SE SABE SOBRE A PROIBIÇÃO DAS MANIFESTAÇÕES RELIGIOSAS NOS JOGOS DA COPA.
VOU ENCERRAR O ASSUNTO PARA NÃO FICAR DANDO A IMPRESSÃO QUE ESTOU PEGANDO NO PÉ DO KAKÁ.
O NERVOSISMO DE HOJE NÃO SIGNIFICA DIZER QUE ELE ESTÁ PREOCUPADO COM O ASSUNTO. AINDA BEM!

terça-feira, 15 de junho de 2010

AINDA SEM RESPOSTA. BRASIL X COREIA DO NORTE


AFINAL, FICOU NO ESQUECIMENTO AS INSCRIÇÕES DE CUNHO RELIGIOSO NOS UNIFORMES DOS JOGADORES?
NÃO SE FALOU NISSO, NEM ANTES, NEM DEPOIS DO JOGO DO BRASIL!
AINDA BEM! SERÁ QUE PREVALECEU O BOM SENSO DOS DIRIGENTES DA FIFA?
SE APARECER ALGUMA NOVIDADE, VOLTO AO ASSUNTO.


BRASIL
2 X 1 COREIA DO NORTE

segunda-feira, 14 de junho de 2010

KAKA E A CHUTEIRA


Amanhã é dia de jogo do Brasil pela Copa do Mundo de Futebol.
Pela orientação da entidade que comanda o torneio - FIFA - não se pode usar referências a religião nenhuma. Seja em camisas, calções, meias ou chuteiras, nem mesmo fazer gestos referenciais a qualquer crença.
O nosso craque KAKA, atleta de Cristo, personalisou sua chuteira, e, nela colocou o nome de Jesus. Não pode. Tira o nome de Jesus e rende-se ao homem, ou mantém o nome Jesus e arca com as consequencias, advindas, também do homem.
Se tirar o nome, rende-se a Baal e vai ter que prestar contas ao seu Deus.
Esse é um dilema, que alguns podem dizer: Ele tem que tirar o nome porque é uma determinação do comando dos organizadores da competição. E daí?
Quando o anti Cristo estiver comandando o mundo todos terão que usar o número da besta.
Somente os que estiverem convictos de sua fé é que não obedecerão às determinações dos líderes da época, e, consequentemente arcarão com sanções que serão aplicadas naquele dia.
E KAKA? Obedece ao comando dos organizadores da copa, e nega sua fé, ou não retira o nome de Jesus da chuteira, e mostra para o mundo que ele é realmente fiel a Deus, e arca com as penalidades que serão aplicadas pelos Baals da Fifa?
Amanhã, dia 15 de junho de 2010, será o dia em que saberemos se o nosso KAKA é mesmo CRISTÃO ou se está somente enfeitando a sua chuteira com a marca mais famosa do mundo; JESUS CRISTO!

terça-feira, 1 de junho de 2010

O ATAQUE DE ISRAEL

De: Marcos Antonio Freire Martins
Terça-feira, 1 de Junho de 2010 13:47:05
Assunto: Divulguem - O RECENTE ATAQUE DE ISRAEL À AJUDA HUMANITÁRIA

O RECENTE ATAQUE DE ISRAEL À “AJUDA HUMANITÁRIA”

Por M. Martins – 1º/06/2010



Ninguém tem dúvida de que Israel está em guerra contra o Hamas na faixa de Gaza. A guerra declarada contra o terror é bastante para que qualquer Estado imponha bloqueio militar como forma de autodefesa. Aliás, o direito de defesa é assegurado a todos, pois ninguém pode permanecer passivo diante dos ataques inimigos. O Brasil também tem seu “bloqueio”, que o permite até abater aeronaves que adentram o território brasileiro sem a devida autorização[1]. Trata-se de uma defesa do nosso território e da nossa soberania que a nenhum outro país diz respeito.

Ao “atacar” os navios de “ajuda humanitária” que tentavam furar esse bloqueio, Israel nada mais fez do que exercer livremente um direito de defesa que lhe é assegurado. Toda e qualquer ajuda humanitária à Faixa de Gaza deve ser inspecionada por Israel, já que esse País impôs legítimo bloqueio militar àquele território, abrigo de terroristas. Detalhes importantes: 1) O bloqueio à Faixa de Gaza é imposto não somente por Israel, mas também pelo Egito; 2) Israel e Egito permitem ajudas humanitárias à Faixa de Gaza, desde que devidamente inspecionadas; 3) O governo do Egito também fechara sua fronteira quando a guerra entre Fatah e Hamas tornou-se mais intensa[2].

A condenação da mídia à atitude de Israel, além de imparcial, demonstra uma atitude de anti-semitismo, porquanto censura um dos lados (Israel) sem antes ouvi-lo, sem dar-lhe direito à justificação. Mídia imparcial não condena, sobretudo antes de ouvir os dois lados.

A verdade é que a chamada “Frota de Liberdade”, que agregava navios pertencentes a “organizações humanitárias”, abordada pelas forças Israelenses, sabia que estava praticando um ato ilegal e já esperava a reação de Israel. A cineasta brasileira Iara Lee, que integrava uma das embarcações, confessou à Rede Globo que “os ativistas já esperavam algum tipo de confrontação com as forças militares de Israel”[3]. Ora, se já esperavam a confrontação, por que enfrentaram o bloqueio à Faixa de Gaza?

A única resposta a isso vem da boca da própria ativista: “Se Israel nos prender a todos, façam barulho!”[4]. A clara intenção daquela afronta à soberania de Israel não foi efetivamente levar ajuda humanitária à Faixa de Gaza, mas “fazer barulho”, ou seja: suscitar a fúria internacional contra Israel (e como fizeram!). Caso quisessem realmente prestar socorro àquele povo, os ativistas-pró -terroristas não teriam descumprido a imposição de Israel para que os navios fossem previamente inspecionados.

As imagens revelam que, durante a abordagem, os soldados israelitas foram agredidos pelos ativistas, obrigando Israel a exercitar o uso da força. Um vídeo publicado no Youtube comprova que até granadas foram usadas pelos ativistas contra os soldados [5]. Estavam prontos para reagir, é o que se deduz. Portanto, não se tratava de uma missão de paz, mas de uma afronta à soberania de Israel. A mídia (em especial, a Rede Globo) mais uma vez deturpou os fatos noticiados.

Quero condenar aqui a atitude da Rede Globo e do Governo Brasileiro de censurarem Israel sem, antes, condenarem a atitude afrontosa dos ativistas. Se um país não tem o direito de se defender, de usar de todos os recursos para evitar o contrabando de armamentos a uma zona de conflito, então o Brasil também não tem o direito de abordar aeronaves, embarcações e veículos que adentram o nosso território trazendo contrabandos e tráficos. Afinal, a Constituição Federal assegura em seu art. 5º: “XV - é livre a locomoção no território nacional em tempo de paz, podendo qualquer pessoa, nos termos da lei, nele entrar, permanecer ou dele sair com seus bens”.

Entretanto, se a soberania nacional impõe a todos (inclusive estrangeiros que aqui chegam) o dever de observar às leis que regem a circulação de bens, serviços e pessoas no território nacional, então a atitude do Brasil de condenar Israel pela abordagem aos navios da “Frota da Liberdade” (não seria este nome um agravo à soberania de Israel?) constitui-se, no mínimo, numa tremenda hipocrisia, já que aqueles navios claramente portavam armas e desrespeitavam as condições impostas pela nação israelita para a chegada de ajuda humanitária à Faixa de Gaza.

É triste constatar que Brasil vem se manifestando a favor do programa nuclear do Irã, contrariando a posição de outras nações, temerosas do mal que possa resultar disso. Todos nós sabemos que o Irã é inimigo declarado de Israel e do Ocidente. Por que então o Brasil apóia esse programa nuclear? Comparo esta atitude infantil do Governo brasileiro à entrega de armas ao inimigo; você venderia uma arma a quem sabidamente deseja sua morte? Corremos o risco de nos tornar um País hipócrita diante de tantas “burrices diplomáticas” cometidas pelo Governo brasileiro.

Para finalizar, dirijo-me à Rede Globo, inimiga pública de Israel, e com uma pergunta: Por que vocês não divulgam a posição de Israel sobre os diversos conflitos na Faixa de Gaza? Por que não falam de atos heróicos e humanitários de Israel em prol da paz na região, como a recente salvação da filha do ministro do Interior do Hamas?[6] Por que não mostraram a parte do vídeo em que os ativistas lançam a granada? Israel já se manifestou sobre o incidente com os ativistas[7], mas não vimos a mídia cínica revelar qualquer posição em defesa da soberania israelense. No entanto, sempre que há uma autodefesa de Israel, assistimos a um bombardeio intenso de informações manipuladas, todas contrárias àquele País, que nada mais faz do se defender.

Parem de incitar o ódio a Israel!

[1] http://www.reservae r.com.br/ legislacao/ leidoabate/ entenda-leidoaba te.htm

[2] http://pt.wikipedia .org/wiki/ Bloqueio_ %C3%A0_Faixa_ de_Gaza

[3] http://g1.globo. com/bom-dia- brasil/noticia/ 2010/06/foi- surpreendente- diz-brasileira- sobre-ataque- israelense- navio.html

[4]http://www.jornalip anema.com. br/novo/Mundo/ BRASILEIRA+ ESTAVA+EM+ COMBOIO+ATACADO+ POR+ISRAEL. html.

[5] http://www.youtube. com/watch? v=bU12KW- XyZE

[6] http://www.pletz. com/blog/ israel-salva- filha-de- dirigente- do-hamas/

[7] http://www.pletz. com/blog/ posicionamento- oficial-do- governo-de- israel-sobre- os-barcos- que-seguiam- para-gaza/


--
"Porque o SENHOR se agrada do seu povo; ornará os mansos com a salvação" (SL 149:4).
"Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus. Não vem das obras, para que ninguém se glorie" (EF 2:8-9).