domingo, 15 de agosto de 2010

[ Reflexão] A dracma perdida e o filho no lixo.


" Ou qual a mulher que, tendo dez dracmas, se perder uma dracma, não acende a candeia, e varre a casa, e busca com diligência até a achar.?" "E, achando-a, convoca as amigas e vizinhos, dizendo: Alegrai-vos comigo, porque já achei a dracma perdida." (Lucas 15:8,9)
Vivemos hoje, dias de total descaso com as coisas de Deus. O ponto alto do descaso, podemos encontrar em mães - se é que assim podemos chamá-las - que abandonam seus filhos em lixeiras, caixas de sapatos, etc.
Ao contrário daquela mulher que perdeu uma dracma, acendeu uma lamparina para procurá-la, mesmo tendo ainda mais nove guardadas.Não por causa do valor intrínseco da dracma, mas porque tinha uma valor especial.


O pastor que foi buscar a ovelha perdida, mesmo tendo mais noventa e nove no aprisco; não foi buscá-la pelo valor da ovelha em si, mas porque era de sua responsabilidade manter todas sob seu controle.
Façamos por onde manter as coisas de Deus sob controle, porque Ele se agrada disso.,

Uma boa semana a todos.

J. Lanes



Nenhum comentário: