terça-feira, 12 de abril de 2011

DINHEIRO = MITOS


O DINHEIRO: MITOS

O dinheiro é maligno? Não é verdade!

1 Timóteo 6:10 - " Porque o amor ao dinheiro é raiz de todos os males; e alguns, nessa cobiça, se desviaram da fé, e si mesmos se atormentaram com muitas dores."

Não é verdade que o dinheiro é maligno. O amor a ele é que é o problema.

Quando se tem apego ao dinheiro, as outras coisas ficam em segundo plano, até mesmo a fé é desviada.

Quantos se atormentam por causa do dinheiro; abandonam os princípios elementares de uma vida sadia, etc.

O dinheiro é a chave da felicidade? Também não é!

Lucas 12:15 - " Então lhes recomendou: Tende cuidado e guardai-vos de toda e qualquer avareza; porque a vida de um homem não consiste na abundância dos bens que ele possui.

O dinheiro traz felicidade? Claro que traz!

Mas não é o dinheiro a CHAVE da felicidade de uma pessoa.

Há incoerência nisso? Não!

Se ter felicidade é uma coisa;e se ter o dinheiro como a CHAVE dessa felicidade é outra coisa.

Você pode ser feliz com pouco dinheiro. Você pode ser infeliz com muito dinheiro.

Se ele fosse a CHAVE da felicidade, todos os ricos seriam felizes, mas o que se vê são muitos que nadam, literalmente, no dinheiro, é a felicidade na vida delas passar por outro caminho.

Doenças, família com problemas, filhos rejeitados, pais afastados, tudo por causa da conta bancária alta.

Não sacrifique a saúde.

Provérbios 23:4 - " Não te fatigues para seres rico; não aplique nisso a tua inteligência."

Muitas pessoas se apegam tanto ao dinheiro, que esquecem da sua saúde, sacrificando-a.

Quando você aplica a sua inteligência nas coisas erradas, o seu intelecto vai desmoronando. Nesse caso, a sua inteligência funciona como uma barreira, que vem caindo com o excesso de água, em dia de chuva.

A inteligência deve ser exercitada com as coisa boas, para que ela possa se desenvolver.

Não sacrifique a família.

Provérbios 15:27 - " O que é ávido por lucro desonesto, transtorna a sua casa, mas o que odeia o suborno, esse viverá."

Nesse caso, vemos o tipo da pessoa que sacrifica a família, por ser desonesto.

Que culpa tem o filho ou o pai, se uma ou outro pratica algo ilícito, desabonador.

No entanto, uma família inteira pode ser prejudicada por ato impensado de um ou outro membro dessa família.

Tudo por causa do dinheiro, ou lucro, que não é honesto.

Não sacrifique as pessoas.

Provérbios 20:21 - " A posse antecipada de uma herança, no fim não será abençoada."

Provérbios 16:8 - " Melhor é o pouco havendo justiça, do que grandes rendimentos com injustiça."

Como o dinheiro pode prejudicar as pessoas?

Famílias inteiras são prejudicadas, por causa de uma herança. Como?

Brigas em família, são frequentes, quando se tem algo a partilhar: bens dinheiro, jóias, etc.

Querer antecipar uma parte da herança, a pretexto de precisar, é sacrificar outras pessoas, que não tem como fazer o mesmo; tendo que esperar o final do inventário.

Lembre-se que o pouco com Deus é muito.

Devemos dar atenção ao ganho espiritual.

3 João 2 - " Amado, acima de tudo faço votos por tua prosperidade e saúde, assim como é próspera a tua alma."

A prosperidade financeira tem que caminhar junto com a prosperidade espiritual.

O melhor caminho é seguir o conselho acima.

Prosperidade espiritual, saúde, alma próspera.

Prosperidade financeira, não é se ter muito dinheiro. É se ter condições de cumprir com suas obrigações; não faltar o pão na mesa e viver dignamente.

Isso nós fazemos com o nosso salário.

Também, afirmamos que não é proibido ser rico; só não pode usar essa riqueza para se tornar egoísta, avarento, e pensar que é o dono do mundo.







2 comentários:

Dri disse...

Oi irmao amado... estou trabalhando demais, estou estudando muito e resultado: pouco tempo...

mas está tudo bem

abraços!

lanes disse...

Ainda bem que alguém tem que trabalhar. Abraço.