sexta-feira, 3 de agosto de 2007

TRÁFEGO INTELIGENTE


Cientistas israelensesestudam “tráfego inteligente”
Cientistas israelenses estão trabalhando no Laboratório de Pesquisa da IBM em Haifa em tecnologias para diminuir congestionamentos e prevenir acidentes. A pesquisa inédita se refere às áreas de segurança ativa e assistência ao motorista. Os veículos poderão trocar informações uns com os outros e com a infra-estrutura de ruas e estradas, fazendo correções quando for apropriado e avisando ao motorista para evitar situações perigosas. Os pesquisadores enxergam o tráfego do futuro como uma imensa rede onde os carros estarão conectados entre si e com os sinais e sistemas de aviso de tráfego. Da mesma forma como câmbios adaptativos, freios ABS e cruise control são padrões em grande parte dos carros no mundo, as tecnologias avançadas de auxílio ao motorista também serão comuns, como se os carros tivessem “reflexos”.Aron Goldshmidt, coordenador do projeto, explica: “Imagine um veículo consciente do espaço que o cerca, recebendo várias informações de outros veículos, da pista e de câmeras colocadas em várias partes do carro. Se o veículo souber onde ele está em relação aos outros, isso significa que você pode dirigir mais perto dos outros carros ou das laterais da estrada. O carro sempre vai saber para onde os outros estarão indo. Se um acidente acontecer centenas de metros a sua frente, o carro vai saber, a segurança não será comprometida e o tráfego poderá não ser interrompido. Não importa o quanto inteligentes forem os carros: o motorista permanece no controle”. Um dos objetivos do projeto é eliminar os sinais nos cruzamentos. Conscientes uns dos outros os carros poderão se encaixar pelas esquinas e receber sinais eletrônicos que os parem para pedestres atravessarem. Quando vier uma ambulância ou carro de serviço com passagem livre, o fluxo no cruzamento poderá se auto-organizar, liberando a passagem.
Colaboração: José Roitberg.

Nenhum comentário: