domingo, 28 de dezembro de 2008

GOSTEM OU NÃO...

Assunto: ' Gostem ou não, o texto é imperdível... '

Olá!





Arnaldo Jabor

- Brasileiro é um povo solidário. Mentira. Brasileiro é babaca.
Eleger para o cargo mais importante do Estado um sujeito que não tem escolaridade e preparo nem para ser gari, só porque tem uma história de vida sofrida;
Pagar 40% de sua renda em tributos e ainda dar esmola para pobre na rua ao invés de cobrar do governo uma solução para pobreza;

Aceitar que ONG's de direitos humanos fiquem dando pitaco na forma como tratamos nossa criminalidade...

Não protestar cada vez que o governo compra colchões para presidiários que queimaram os deles de propósito, não é coisa de gente solidária.
É coisa de gente otária.

- Brasileiro é um povo alegre. Mentira. Brasileiro é bobalhão.

Fazer piadinha com as imundices que acompanhamos todo dia é o mesmo que tomar bofetada na cara e dar risada.

Depois de um massacre que durou quatro dias em São Paulo, ouvir o José Simão fazer piadinha a respeito e achar graça, é o mesmo que contar piada no enterro do pai..
Brasileiro tem um sério problema.
Quando surge um escândalo, ao invés de protestar e tomar providências como cidadão, ri feito bobo.

- Brasileiro é um povo trabalhador. Mentira.

Brasileiro é vagabundo por excelência.
O brasileiro tenta se enganar, fingindo que os políticos que ocupam cargos públicos no país, surgiram de Marte e pousaram em seus cargos, quando na verdade, são oriundos do povo..

O brasileiro, ao mesmo tempo em que fica indignado ao ver um deputado receber 20 mil por mês, para trabalhar 3 dias e coçar o saco o resto da semana, também sente inveja e sabe lá no fundo que se estivesse no lugar dele faria o mesmo.

Um povo que se conforma em receber uma esmola do governo de 90 reais mensais para não fazer nada e não aproveita isso para alavancar sua vida (realidade da brutal maioria dos beneficiários do bolsa família) não pode ser adjetivado de outra coisa que não de vagabundo.

- Brasileiro é um povo honesto. Mentira..

Já foi; hoje é uma qualidade em baixa.
Se você oferecer 50 Euros a um policial europeu para ele não te autuar, provavelmente irá preso.
Não por medo de ser pego, mas porque ele sabe ser errado aceitar propinas.

O brasileiro, ao mesmo tempo em que fica indignado com o mensalão, pensa intimamente o que faria se arrumasse uma boquinha dessas, quando na realidade isso sequer deveria passar por sua cabeça.


- 90% de quem vive na favela é gente honesta e trabalhadora. Mentira.

Já foi.
Historicamente, as favelas se iniciaram nos morros cariocas quando os negros e mulatos retornando da
Guerra do Paraguai ali se instalaram.
Naquela época quem morava lá era gente honesta, que não tinha outra alternativa e não concordava com o crime.
Hoje a realidade é diferente.
Muito pai de família sonha que o filho seja aceito como 'aviãozinho' do tráfico para ganhar uma grana legal.
Se a maioria da favela fosse honesta, já teriam existido condições de se tocar os bandidos de lá para fora, porque podem matar 2 ou 3 mas não milhares de pessoas.
Além disso, cooperariam com a polícia na identificação de criminosos, inibindo-os de montar suas bases de operação nas favelas.

- O Brasil é um pais democrático. Mentira.

Num país democrático a vontade da maioria é Lei.
A maioria do povo acha que bandido bom é bandido morto, mas sucumbe a uma minoria barulhenta que se apressa em dizer que um bandido que foi morto numa troca de tiros, foi executado friamente.

Num país onde todos têm direitos mas ninguém tem obrigações, não existe democracia e sim, anarquia.
Num país em que a maioria sucumbe bovinamente ante uma minoria barulhenta, não existe democracia, mas um simulacro hipócrita.
Se tirarmos o pano do politicamente correto, veremos que vivemos numa sociedade feudal: um rei que detém o poder central (presidente e suas MPs), seguido de duques, condes, arquiduques e senhores feudais (ministros, senadores, deputados, prefeitos, vereadores)..
Todos sustentados pelo povo que paga tributos que têm como único fim, o pagamento dos privilégios do poder. E ainda somos obrigados a votar.


Democracia isso? Pense !

O famoso jeitinho brasileiro.
Na minha opinião, um dos maiores responsáveis pelo caos que se tornou a política brasileira.
Brasileiro se acha malandro, muito esperto.
Faz um 'gato' puxando a TV a cabo do vizinho e acha que está botando pra quebrar.

No outro dia o caixa da padaria erra no troco e devolve 6 reais a mais, caramba, silenciosamente ele sai de lá com a felicidade de ter ganhado na loto... malandrões, esquecem que pagam a maior taxa de juros do planeta e o retorno é zero. Zero saúde, zero emprego, zero educação, mas e daí?
Afinal somos penta campeões do mundo né?? ?
Grande coisa...

O Brasil é o país do futuro. Caramba , meu avô dizia isso em 1950. Muitas vezes cheguei a imaginar em como seria a indignação e revolta dos meus avôs se ainda estivessem vivos.
Dessa vergonha eles se safaram...
Brasil, o país do futuro !?
Hoje o futuro chegou e tivemos uma das piores taxas de crescimento do mundo.

Deus é brasileiro.
Puxa, essa eu não vou nem comentar...

O que me deixa mais triste e inconformado é ver todos os dias nos jornais a manchete da vitória do governo mais sujo já visto em toda a história brasileira.

Para finalizar tiro minha conclusão:



O brasileiro merece! Como diz o ditado popular, é igual mulher de malandro, gosta de apanhar. Se você não é como o exemplo de brasileiro citado nesse e-mail, meus sentimentos amigo, continue fazendo sua parte, e que um dia pessoas de bem assumam o controle do país novamente.
Aí sim, teremos todas as chances de ser a maior potência do planeta.
Afinal aqui não tem terremoto, tsunami nem furacão.
Temos petróleo, álcool, bio-diesel, e sem dúvida nenhuma o mais importante: Água doce!

Só falta boa vontade, será que é tão difícil assim?

FAÇA A SUA PARTE (SE QUISER) REPASSE !

>ESSE ARTIGO MOSTRA A REVOLTA QUE TODOS NÓS ESTAMOS ENFRENTANDO, E SEM CORAGEM PARA REAGIR,SENDO POR PURO MEDO, INTERESSE, OU FALTA DE VERGONHA MESMO!
PARABÉNS, JABOUR.

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Cinco Solas: Até tu, Bléia?

Cinco Solas: Até tu, Bléia?

domingo, 14 de dezembro de 2008

LÍDER EVANGÉLICO APÓIA UNIÃO GAY.

Home » Mundo Cristão
Importante líder evangélico se afasta após apoiar união gay
Por Renato Cavallera em sábado, 13 dezembro 2008
Tags: Estados Unidos, Evangélico, Homossexualismo Comentar! Compartilhe Imprimir Email 0 00
Reverendo disse em entrevista que acreditava em ‘uniões civis’ e que estava mudando sua opinião.

O reverendo Richard Cizik, uma voz sincera e conservadora do cristianismo evangélico na política dos Estados Unidos, se retirou na quinta-feira, 11, da Associação Nacional de Evangélicos (NAE), depois de uma entrevista para uma rádio em que defendeu união entre pessoas do mesmo sexo e disse estar “mudando” sobre o casamento gay. Os comentários do reverendo - feitos no dia 2 de dezembro na National Public Radio - desencadearam um tumulto que levou à sua saída da vice presidência da NAE.

Uma figura permanente em Washington por cerca de três décadas, Cizik teve um papel crucial em trazer questões evangélicas para a política. Votos evangélicos foram centrais nas duas eleições de George W. Bush, por exemplo. Mas em anos recentes, Cizik ganhou inimigos no movimento, por forçar a ampliação da agenda evangélica. Seu foco mais forte era o “cuidado com a criação”, argumentando que os evangélicos têm responsabilidade com o meio ambiente, o que envolve lutar contra o aquecimento global.

O reverendo Leith Anderson, presidente da NAE, disse na quinta-feira, 11, que o grupo não está se afastando de suas responsabilidades ambientais. A saída de Cizik foi necessária, disse, pois algumas de suas respostas à rádio não correspondem aos valores da NAE.

Cizik não respondeu ao pedidos de entrevista na quinta-feira, 11. A NAE disse que o reverendo expressou arrependimento, se desculpou e “afirmou seus valores.”

Anderson disse que “uma cobinação de coisas” que Cizik disse na entrevista levou a esse desfecho, incluindo seu comentário sobre o casamento gay: “Estou mudando, tenho que admitir. Em outras palavras, eu diria que acredito em uniões civis. Eu não apoio redefinir o casamento em sua definição tradicional, não acredito.”

Alguns evangélicos viram isso como um “tapa na cara”, disse David Neff, editor da revista Christianity Today e membro do comitê executivo do NAE. “Ele parecia estar abandonando a única coisa em que os ativistas evangélicos sentiam ter feito a diferença nos últimos tempos”, disse, se referindo à proibição do casamento gay em três Estados nos Estados Unidos.

Ainda, a comunidade estava desapontada pois Cizik disse ter votado em Barack Obama nas primárias do partido Democrata, disse Anderson. Cizik também deu a entender ter votado em Obama em novembro.

Fonte: AP
Via: Notícias Cristãs

sábado, 13 de dezembro de 2008

O ÓLEO DE UNÇÃO.

O ÓLEO DE UNÇÃO
TIRANDO O PODER DO SACRIFÍCIO DE JESUS CRISTO
Graças a Deus estou bem e de volta às minhas atividades normais. Gostaria de agradecer a todos aqueles que enviaram mensagens e estiveram orando por mim durante este período em que estive sendo tratado não apenas por médicos, mas pelos cuidados de nosso Pai que está nos céus.
Devo contar que não tive nenhuma visão sobrenatural, nem mesmo quando sob o forte efeito da anestesia... mas Deus falou comigo através do Espírito Santo que habita dentro de cada um que aceita a Jesus Cristo como seu único Senhor e Salvador. Tive alguns (poucos) momentos de profundo incômodo durante minha internação e a melhor coisa que eu poderia fazer era orar. Foi uma noite inteira sofrendo pelo incômodo de um colchão duro como madeira, cujo sono não conciliava e, na intenção de encontrar uma posição mais cômoda, meus cotovelos já estavam em carne viva... mas então lembrei que aquele momento de pouca mobilidade era passageiro, que em breve as coisas estariam resolvidas... e comecei a agradecer a Deus por poder ver que a solução de meu pequeno incômodo estava muito próxima. Pela primeira vez na vida eu confirmei que praguejar de nada adianta, e que melhor é depositar as esperanças e sofrimentos nas mãos do Senhor. Não pude deixar de pensar naquelas pessoas que estão definitivamente inválidas, com escaras no corpo... se uma noite me fez sofrer, imaginei uma vida inteira! Como eu poderia deixar de agradecer a Deus por minha condição ser apenas passageira? Como, depois disso, eu poderia esquecer e deixar de me preocupar com os inválidos?
Essa preocupação me fez pesquisar o assunto e hoje, quase 100% normal, arrumei uma forma de transcrever um pouco das revelações que me tive após a leitura de alguns trechos da Bíblia e que têm tudo a ver com o costume de usar “óleo de unção” para tudo: curar doentes, expulsar demônios... será que nós, crentes modernos, não estaríamos criando uma espécie de “água benta evangélica”? Estaríamos nos colocando nossa fé em um objeto ao invés de depositá-la n’Aquele que é o único realmente capaz de operar milagres através de Sua graça?
Não estou sendo o primeiro a tocar deste assunto e antes de qualquer coisa devo referenciar o estudo feito por Walter Andrade Campelo, feito com propriedade e base bíblica correta e aceitável.
UNÇÃO DE SANTIFICAÇÃO?
Depois de muito ler livros de “batalha espiritual”, eu estava começando a crer no óleo, principalmente diante dos textos altamente recomendado por esses autores, que se encontram em Êxodo 30:22-33 (o azeite da santa unção) e Êxodo 40:1-16 (o estabelecimento do tabernáculo):
“Assim santificarás estas coisas, para que sejam santíssimas; tudo o que tocar nela será santo. Também ungirás a Arão e seus filhos, e os santificará para me administrarem o sacerdócio.” (Êxodo 30:29-30)
“Então tomarás o azeite da unção e ungirás o tabernáculo, e tudo o que há nele; e o santificarás com todos os seus pertences, e será santo. Ungirás também o altar do holocausto, e todos os seus utensílios; e santificará o altar; e o altar será santíssimo. Então ungirás a pia e a sua base, e a santificarás. Farás chegar também a Arão e a seus filhos à porta da tenda da congregação; e os lavarás com água. E vestirás a Arão as vestes santas, e o ungirás, e o santificarás, para que me administre o sacerdócio. Também fará chegar a seus filhos e lhes vestirás as túnicas, e os ungirás como ungiste a seu pai, para que me administrem o sacerdócio, e a sua unção lhes será por sacerdócio perpétuo nas suas gerações.” (Êxodo 40:9-15)
Uma metodologia bastante correta... de acordo com a lei! E aí está o grande problema! A Bíblia não pode ter sua cronologia ignorada e todas essas recomendações de procedimentos para santificação encontram um ponto final diante desse importantíssimo texto:
“Porque tendo a lei sombra dos bens futuros e não a imagem exata das coisas, nunca, pelos mesmos sacrifícios que continuamente se oferecem cada ano, pode aperfeiçoar os que a ele se chegam. Doutra maneira, teriam deixado de se oferecer, porque, purificados uma vez os ministrantes, nunca mais teriam consciência de pecado. Nesses sacrifícios, porém, cada ano se faz comemoração dos pecados, porque é impossível que o sangue dos touros e dos bodes tire os pecados. Por isso, entrando no mundo, diz: Sacrifício e oferta não quiseste, mas corpo me preparaste; Holocaustos e oblações pelo pecado não te agradaram. Então disse: Eis aqui venho (no princípio do livro está escrito de mim), para fazer, ó Deus, a tua vontade. Como acima diz: Sacrifício e oferta, e holocaustos e oblações pelo pecado não quiseste, nem te agradaram (os quais se oferecem segundo a lei). Então disse: Eis aqui venho, para fazer, ó Deus, a tua vontade. Tira o primeiro para estabelecer o segundo. Na qual vontade temos sido santificados pela oblação do corpo de Jesus Cristo, feita uma vez. E assim todo o sacerdote aparece cada dia, ministrando e oferecendo muitas vezes os mesmos sacrifícios, que nunca podem tirar os pecados; Mas este, havendo oferecido para sempre um único sacrifício pelos pecados, está assentado à destra de Deus, Daqui em diante esperando até que os seus inimigos sejam postos por escabelo de seus pés. Porque, com uma só oblação aperfeiçoou para sempre os que são santificados. E também o Espírito Santo no-lo testifica; porque depois de haver dito: Esta é a aliança que farei com eles depois daqueles dias, diz o Senhor: Porei as minhas leis em seus corações e as escreverei em seus entendimentos; acrescenta: E jamais me lembrarei de seus pecados e de suas iniqüidades. Ora, onde há remissão destes, já não mais oblação pelo pecado. Tendo, pois, irmãos, ousadia para entrar no santuário, pelo sangue de Jesus, Pelo novo e vivo caminho que ele nos consagrou, pelo véu, isto é, pela sua carne, e tendo um grande sacerdote sobre a casa de Deus, Cheguemo-nos com verdadeiro coração, em inteira certeza de fé, tendo os corações purificados da má consciência, e o corpo lavado com água limpa. Retenhamos firmes a confissão da nossa esperança; porque fiel é o que prometeu.” (Hebreus 10:1-23)
Que interessante! De acordo com o texto acima podemos concluir que:
• O sacrifício de Cristo na cruz foi feito apenas uma única vez. Esse texto explica claramente que os sacrifícios do velho pacto (como, por exemplo, os relatados nos capítulos de 1 a 5 do livro de Levítico) não eram eficazes e muito menos agradavam a Deus (versos 6, 8 e 11)
• Jesus Cristo é o grande sacerdote sobre a casa de Deus e, através de seu sacrifício único, nos santifica (versos 10 e 12-18), aperfeiçoando dessa forma as leis que deveriam ser cumpridas no Antigo Testamento.
Então, como posso eu depender de um tipo de óleo para santificar algo depois de conhecer essa verdade? Quem nos santifica é somente nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo e isto está diretamente relacionado a outro fator importantíssimo, que faz parte do “legado” deixado por Ele. Vejam:
“E no último dia, o grande dia da festa, Jesus pôs-se em pé, e clamou dizendo: Se alguém tem sede, venha a mim, e beba. Quem crê em mim, como diz a Escritura, rios de água viva correrão do seu ventre. E isto disse ele do Espírito que haviam de receber os que nele cressem; porque o Espírito Santo ainda não fora dado, por ainda Jesus não ter sido glorificado.” (João 7:37-39)
A afirmação que faço a seguir é bastante chocante, mas, baseado no texto acima, posso afirmar então que nenhum dos grandes personagens do Antigo Testamento teve uma experiência tão íntima com Deus quanto qualquer um que tenha nascido depois da glorificação de Jesus Cristo. Mesmo Moisés, que conheceu ao Senhor Face a Face (Êxodo 33:11; Números 12:7-8; Deuteronômio 34:10) não teve uma experiência conforme a descrita em Romanos 8:26-27.
Esse parágrafo é especulativo, mas eu penso que essa é a melhor explicação para o sangue nos umbrais de Êxodo 12, pois tal sinal se fez necessário para o reconhecimento de quem iria ser salvo ou não... afinal, ninguém ali tinha o Espírito Santo!
Os poucos personagens do Antigo Testamento que chegaram a ter um contato mais próximo com a experiência do Espírito Santo: ou foram escolhidos diretamente pelo próprio Deus, ou tiveram uma experiência momentânea ou então tiveram que ser ungidos para isto! Veja alguns dentre muitos exemplos:
• Bezalel (escolhido por Deus) – Êxodo 31:2-3; Êxodo 35:31.
• Eldade e Medade (momento) – Números 11:26. O fato da maioria do povo não ter o Espírito de Deus é confirmado em Números 11:29.
• Josué (ungido por imposição de mãos) – Deuteronômio 34:9.
• Otniel (momento) – Juízes 3:9-11.
• Sansão (vários momentos) – Juízes 13:25; Juízes 14:6 e 19; Juízes 15:14.
• Saul (ungido) – I Samuel 10:1-7; I Samuel 11:6. Esse, mesmo ungido, fez tanta besteira que o Espírito do Senhor acabou se retirando dele (I Samuel 16:14).
• Davi (ungido) – I Samuel 16:13; II Samuel 2:4.
Eu poderia fazer uma lista mais extensa que esta com mais personagens do Antigo Testamento que puderam ter uma “provinha” da presença do Espírito do Senhor, mas sugiro que leiam o estudo de Walter Andrade Campelo para compreender quem exatamente eram as pessoas ungidas naquela época, assim como as funções do óleo. Mas mesmo nestes exemplos podemos ver que o mesmo Espírito gerava capacidades bastante diversas entre si.
Se esses homens, apenas ao “esbarrar” com o Espírito, fizeram acontecer eventos incríveis, imagine agora o que podem fazer aqueles em quem o Espírito habita? Sim! Habitar é algo perene... é conviver a cada instante com Ele. Essa informação é confirmada através dos textos de João 14:15-17 e 26 (“... habita convosco, e estará em vós”); I Coríntios 3:16; Efésios 2:22 e II Timóteo 1:14.
Acho que a maioria daqueles que está lendo este texto até aqui sabe muito bem o que deve fazer para receber o Espírito Santo, mas não me custa nada citar João 20:22, Atos 1:8, Atos 2:38, Atos 8:15-17, I Coríntios 6:19, Gálatas 3:14... afinal, estes são métodos comprovados para “ganhar” este “presente” deixado para nós pelo próprio Jesus Cristo.
Um alerta! Há muita gente por aí pensando que está cheia do Espírito Santo e, na verdade, estão agindo exatamente contra o texto de Colossenses 2:8; esquecendo Romanos 8:4-11, I Tessalonicenses 4:2-8, I Timóteo 4:1-2 e Tiago 4:4-5; esperando e aceitando tudo o que está descrito em II Tessalonicenses 2:3-12... sequer se preocupando em aplicar I João 4:1-3 ou tentando observar o tipo de resultados da ação desse espírito dentro do previsto em Gálatas 5:19-23. Estes certamente não devem se agradar nem um pouco das coisas que tenho escrito nos últimos tempos. Não posso deixar de registrar que me entristeço ao encontrar tantos líderes agindo conforme I Timóteo 6:3-5, II Timóteo 4:3-4 e se adequando cada vez mais às profecias de Isaías 56:8-12 e Ezequiel 34:1-10... são justamente esse líderes que mais gostam de usar as coisas “bentas” como, por exemplo, flores, lenços, água e, é claro, o óleo!
A única conclusão a qual posso chegar nesta primeira seção é:
UTILIZAR ÓLEO COM O OBJETIVO DE SANTIFICAR QUALQUER COISA
É NEGAR DIRETAMENTE O SACRIFÍCIO DE JESUS CRISTO NA CRUZ:
USE SUA ORAÇÃO E, COM MUITO CUIDADO, A IMPOSIÇÃO DE MÃOS.
Recomendo cuidado com a imposição de mãos baseado no texto de I Timóteo 5:22. Não saia por aí deixando que qualquer maluco coloque as mãos em sua cabeça... ainda mais se não souber verdadeiramente se o “vaso” tem rachaduras ou não!
ARTIGO DE TEÓPHILO NOTURNO.

sábado, 29 de novembro de 2008

HISTÓRIA DAS RELIGIÕES

Últimas Palavras de Grandes Homens - Alexander Seibel



Praticamente nada é mais esclarecedor do que o testemunho de moribundos. Mesmo mentirosos confessam então a verdade. Um olhar para o leito de morte revela muitas vezes mais dos que todas as grandes palavras e obras em tempo de vida. No momento em que pessoas se vêem confrontadas com a morte, muitas perdem suas máscaras e tornam-se verdadeiras. Muitos tiveram que reconhecer que edificaram sobre a areia, se entregaram a uma ilusão e seguiram a uma grande mentira.

Aldous Ruxley escreve no prefácio do seu livro "Admirável Mundo Novo", que se deveria avaliar todas as coisas como se estivessem sendo vistas do leito de morte.

"Ensina-nos a contar os nossos dias, para que alcancemos coração sábio" ( Sl 90:12 ), diz a Bíblia.

Voltaire, o famoso zombador, teve um fim terrível. Sua enfermeira disse! Durante toda a noite ele gritou por perdão.

David Hume, o ateu, gritou: "Estou nas chamas!" Seu desespero foi uma cena trerrível.

Heinrich Heine, o grande zombador, arrependeu-se posteriormente.. Ao final da vida, ele ainda escreveu a poesia:" Destruída está a velha lira, na rocha que se chama Cristo! A lira que para a má comemoração, era movimentada pelo inimigo mau. A lira que soava para a rebelião, que cantava dúvidas, zombarias e apostasias, Senhor, Senhor, eu me ajoelho, perdoa, perdoa minhas canções!

De Napoleão escreveu seu médico pareticular: " O Imperador morre solitário e abandonado. Sua luta de morte é terrível.

Cesare Borgia, um estadista: "Tomei providências para tudo no decorrer de minha vida, somente não para a morte e agora tenho que morrer completamente despreparado."

Talleyrand: "Sofro os tormentos dos perdidos.

Carlos IX ( França ): " Estou perdido, reconheço-o claramente.

Mazarino: " Alma, que será de ti?"

Hobbes, um filósofo inglês:"Estou diante de um terrível salto nas trevas."

Sir Thomas Scott, o antigo presidente da Câmara Alta inglesa: "Até este momento, pensei que não havia nem Deus, nem inferno. Agora sei e sinto que ambos existem e estou entregue à destruição pelo justo juízo do Todo-Poderoso.

Goethe"Mais luz!"

Nietzsche: "Se realmente existe um Deus vivo, sou o mais miserável dos homens."

Lênin morreu em confusão mental. Ele pediu pelo perdão dos seus pecados a mesas e cadeiras.

A nossa juventude revolucionária se assegura insistentemente e em alta voz, que isso não é verdade. Pois seria desagradável, ter que admitir que o ídolo de milhões se derrubou a si mesmo de maneira tão evidente.

domingo, 16 de novembro de 2008

UM NÓ BEM APERTADO.


Este texto é para reflexão. O seu autor não foi identificado.

O NÓ DO AFETO


Era uma reunião de pais, numa escola da periferia e a diretora ressaltava o apoio que os pais devem dar aos filhos. Pedia-lhes também que se fizessem presentes o máximo de tempo possível...

Ela entendia que, embora a maioria dos pais e mães daquela comunidade trabalhasse fora, eles deveriam achar um tempinho para se dedicar às crianças e procurar entendê-las.

Mas, a diretora ficou muito surpresa quando um pai se levantou e explicou, com seu jeito humilde, que ele não tinha tempo de falar com o filho, nem de vê-lo durante a semana, porque, quando ele saia para trabalhar era muito cedo e o filho ainda estava dormindo...E, quando ele voltava do serviço já era muito tarde e o garoto não estava mais acordado. Explicou, ainda, que tinha de trabalhar assim para prover o sustento da família, mas também contou que isso o deixava angustiado por não ter tempo para o filho e tentava se redimir indo beijá-lo todas as noites quando chegava em casa. E, para que o filho soubesse de sua presença, ele dava um nó na ponta do lençol que o cobria. Isso acontecia, religiosamente, todas as noites quando ia beijá-lo. Quando o filho acordava e via o nó, sabia, por meio dele, que o pai tinha estado ali e o beijado. O nó era o meio de comunicação entre eles.

A diretora emocionou-se com aquela singela história e ficou surpresa quando constatou que o filho desse pai era um dos melhores alunos da escola.

O fato faz-nos refletir sobre as muitas maneiras de as pessoas se fazerem presentes, de se comunicar com os outros. Aquele pai encontrou a sua, que era simples, mas eficiente. E, o mais importante, é que o filho percebia, por meio do nó afetivo, o que o pai estava lhe dizendo.

Por vezes, importamo-nos tanto com a forma de dizer as coisas e esquecemos a principal, que é a comunicação através do sentimento.

Simples gestos, como um beijo e um nó na ponta do lençol valiam, para aquele filho, muito mais do que presentes ou desculpas vazias. É válido que nos preocupemos com as pessoas, mas é importante que elas sintam isso.

Para que haja a comunicação é preciso que as pessoas "ouçam" a linguagem do nosso coração, pois, em matéria de afeto, os sentimentos sempre falam mais alto que as palavras. É por essa razão que um beijo, revestido do mais puro afeto, cura a dor de cabeça, o arranhão no joelho, o medo do escuro.

As pessoas podem não entender o significado de muitas palavras, mas sabem registrar um gesto de amor. Mesmo que esse gesto seja apenas um nó cheio de carinho e afeto. Você já deu algum nó afetivo hoje?

terça-feira, 4 de novembro de 2008

Quem nasceu primeiro.



Jeremias 22:13
Ai daquele que edifica a sua casa com injustiça, e os seus aposentos sem direito, que se serve do serviço do seu próximo sem remunerá-lo, e não lhe dá o salário do seu trabalho.


A Bíblia, como sempre respondendo as perguntas mais embaraçosas.

Um amigo me perguntou se pirataria era pecado.

Eu respondi que a resposta estava na Bíblia.

Jeremias diz que aquele que se serve do serviço do seu próximo sem lhe dar a devida paga, ai dele. Logo, pirataria é pecado.

Em Mt 22:29 está escrito: Jesus respondeu:"Vocês estão enganados porque não conhecem as Escrituras nem o poder de Deus!"


Amados, a Bíblia tem resposta para tudo. Até diz quem nasceu primeiro, se o ovo ou a galinha.

Confira em Gênesis 1:21- " Assim Deus criou os grandes animais aquáticos e os demais seres vivos que povoam as águas, de acordo com as suas espécies;e todas as aves, de acordo com as suas espécies. E Deus viu que ficou bom."


Com se pode observar na leitura, Deus criou primeiro a galinha, e disse: sejam férteis e multipliquem-se! Então, a galinha passou a colocar ovos para poder perpetuar a espécie.

Leia a Bíblia, e você vai se surpreender com as respostas para as suas indagações.




sábado, 18 de outubro de 2008

COQUEIROS DE NITERÓI


Substitutos de coqueiros não foram definidos
Danielle Rabello

A administração do Campo de São Bento ainda não sabe quando serão plantadas as árvores que compensarão o corte de dois coqueiros centenários, na quinta-feira. Também ainda não foi definido quais espécies serão plantadas.
Os coqueiros estariam muito altos e inclinados, o que impediria o recolhimento dos frutos e representaria ameaça a quem passasse por ali, principalmente crianças.
De acordo com a especialista em Botânica Aplicada do Departamento de Biologia da Universidade Federal Fluminense (UFF), Janie Garcia da Silva, coqueiros podem viver até 150 anos.
"Eu teria que ver as plantas para saber se havia necessidade de cortá-las, mas a altura não é desculpa. A Prefeitura poderia ter alugado um caminhão Muck para fazer a poda e colher os frutos, ou uma escada magirus", opinou Janie.

Foram cortados dois coqueiros centenários no Campo de São Bento, sob a alegação de que não poderiam mais tirar os cocos porque os mesmos estavam com 20 metrros de altura, aproximadamente.
O motivo: Poderia cair coco na cabeça das pessoas.
Pergunta: Como são tirados cocos na Bahia? Todos sabemos como, menos os "inteligentes" administradores do Parque.
Sugestão: Poderiam plantar coqueiros que produzem jaboticabas, pois os seus frutos são pequeninos, e se cairem não vão fazer estrago algum na cabeça das pessoas.
Fica a sugestão para os inteligentes administradores, que de coco não entendem nada.

Senador queria "processar" Deus

Senador queria ‘processar’ Deus

Nebraska - Um processo inusitado, aberto pela Justiça do estado de Nebraska, nos Estados Unidos, tinha Deus como "réu". O autor é o senador Ernie Chambers, que acusa o "Criador" de gerar medo e ser o responsável por milhões de mortes e destruições no mundo.
Igualmente inusitado foi a justificativa apresentada pelo juiz Marlon Polk, da corte distrital do condado de Douglas, para pedir o arquivamento do processo: o senador não havia informado o endereço do réu e, desta forma, não haveria como notificá-lo.
No processo, Chambers acusa ainda Deus de ter gerado "inundações, furacões horríveis e terríveis tornados". Chambers comentou que Deus fez ameaças terroristas contra ele e seus eleitores. O senador argumentou que abriu o processo em Douglas porque Deus está em todos as partes.
"A corte reconheceu, desta forma, a existência de Deus", afirmou o senador. "Desta forma, uma das conseqüências de reconhecer Deus é admitir sua onisciência." E, se Deus sabe tudo, Deus foi automaticamente notificado deste processo", completou Chambers, que ainda pode recorrer.

MATÉRIA PUBLICADA EM " O FLUMINENSE" DE 17/10/08

terça-feira, 7 de outubro de 2008

TURMA BACANA ESSA!

ENCONTRO DO GRUPO "APRENDENDO TEOLOGIA" EM SÃO PAULO.
NÃO POSSO IMAGINAR TER PERDIDO ESSE ENCONTRO.
PELA POSIÇÃO DA MESA O PASTOR NORBERTO FOI O QUE DEU O BOTE PRIMEIRO.
HA, NÃO IMAGINAVA NUNCA O ARMANDO PARECIDO COM O HERODI DA JANE, CONHECEM? RSRSRSRSRSRSR.
UMA BRINCADEIRA, E SÓ.
O PRÓXIMO NÃO PERDEREI, SE DEUS PERMITIR, É CLARO!

sexta-feira, 3 de outubro de 2008

RUI BARBOSA E O LADRÃO

Diz a lenda que Rui Barbosa, ao chegar em casa, ouviu um barulho estranho vindo de seu quintal.
Chegando lá, constatou haver um ladrão tentando levar seus patos de estimação.
Aproximou-se vagarosamente do indivíduo e, surpreendendo-o ao tentar pular o muro com seus amados patos, disse-lhe:
- Oh, bucéfalo anácrono!
Não o interpelo pelo valor intrínseco dos bípedes palmípedes, mas sim, pelo ato vil e sorrateiro de profanares o recôndito da minha habitação, levando meus ovíparos à sorrelfa e à socapa.
Se fazes isso por necessidade, transijo; mas se é para zombares da minha elevada prosopopéia de cidadão digno e honrado, dar-te-ei com minha bengala fosfórica bem no alto da tua sinagoga, e o farei com tal ímpeto que te reduzirei à quinquagésima potência que o vulgo denomina nada.
E o ladrão, confuso, diz:
- DOTÔ, RESUMINDO, EU LEVO OU DEIXO OS PATO?!

terça-feira, 9 de setembro de 2008

CURIOSIDADE SOBRE ISRAEL





CURIOSIDADE SOBRE UM PAÍS MUITO ESPECIAL.


Israel é o únicopaís do mundo onde…
O jornalista israelense Efraim Kishon (Z’L), nascido na Hungria, demonstrava o bom humor que prevalece apesar dasdificuldades do país. Algumas de suas frases são hilárias…
Israel é o único país do mundo onde estouraram projéteis iraquianos, Katiyushas libaneses, suicidas de Gaza e mísseis sírios e, apesar disso, um apartamento de 3 dormitórios custa mais do que em Paris.
Israel é o único país do mundo onde os aposentados fazem greve.
Israel é o único país do mundo onde o cantor mais popular continua morando com os pais.
Israel é o único país do mundo onde jogadores de futebol trazem o pai ao treino, para que brigue com o treinador.
Israel é o único país do mundo onde, logo na primeira visita, o visitante pergunta “posso me servir na geladeira”?
Israel é o único país do mundo onde o fulano, de camisa manchada e com colarinho aberto, é sua Excelência, o ministro. E o moço ao lado, de terno e gravata, é seu motorista.
Israel é o único país do mundo onde os acima de 60 anos ainda guardam rancor dos sargentos, da época em que serviram no Exército.
Israel é o único país do mundo onde aposentado de 101 anos funda um partido.
Israel é o único país do mundo onde os parlamentares que optaram por permanecer calados não param de falar.
Israel é o único país do mundo onde uma refeição israelense consiste em salada árabe, kabab romeno, pita iraniana e creme da Bavária.
Israel é o único país do mundo onde “não te incomodei” significa “quero te incomodar”.
Israel é o único país do mundo onde muçulmanos vendem aos católicos lembranças santificadas, em troca de dinheiro com imagem de rabino.
Israel é o único país do mundo onde nenhuma mulher se dá com a sua mãe, mas mesmo assim se falam 3 vezes ao dia… 2 vezes sobre você.
Israel é o único país do mundo onde os ricos são socialistas extremados, os pobres, capitalistas incondicionais, e a classe média paga por tudo.
Israel é o único país do mundo onde, logo no primeiro encontro, pergunta-se à moça onde ela serviu no Exército.
Israel é o único país do mundo onde se descobre que ela era mais combativa que você.
Israel é o único país do mundo onde a maior parte das pessoas é incapaz de explicar porque mora lá, mas tem um monte de motivos porque não pode morar em outro lugar.
Israel é o único país do mundo onde, caso você odeie os políticos, os funcionários públicos, a situação, os impostos, a qualidade dos serviços e o clima… é sinal de que você gosta do país.
Publicado no Pletz

sexta-feira, 29 de agosto de 2008

LINDA IMAGEM


UMA IMAGEM PARA DEIXAR QUALQUER UM, NO MÍNIMO, UMA NOITE SEM DORMIR, IMAGINANDO A BELEZA DO MOMENTO.

PERGAMINHOS DISPONÍVEIS

Pergaminhos do Mar Morto serãodisponibilizados na Internet
Cientistas israelenses estão tirando fotografias digitais dos papiros do mar Morto para disponibilizá-los na Internet. A previsão é que o projeto levará mais de dois anos para ser finalizado. Os documentos foram encontrados em covas próximas ao mar Morto em 1947 por pastores beduínos e durante muitos anos só um reduzido número de estudiosos pôde vê-los. Usando câmeras de precisão e focos que não emitem calor ou raios ultravioletas, os cientistas israelenses puderam decifrar capítulos e letras invisíveis ao olho humano. Os rolos de papel, em sua maioria pergaminhos, são as cópias mais antigas da Bíblia em hebraico e incluem textos que datam do século III antes da Era Comum até o século I – possibilitando um retrato complexo e fascinante do judaísmo daquela época. O trabalho está sendo liderado por Greg Bearman, pesquisador aposentado do Laboratório de Propulsão a Jato da Nasa. Ele está usando uma câmera especial que consegue recuperar trechos ilegíveis da antiga escrita hebraica e aramaica. O texto de todos os manuscritos (alguns equivalentes a livros inteiros, outros correspondentes a uma frase ou até uma única palavra) já foi publicado, mas a idéia é que especialistas e leigos do mundo todo possam ter acesso aos originais e consigam examiná-los virtualmente de vários ângulos.

terça-feira, 3 de junho de 2008

segunda-feira, 26 de maio de 2008

domingo, 25 de maio de 2008

CORUJAS


UMA FAMÍLIA FELIZ, DESFRUTANDO DE SEU HABITAT.
LÁ NÃO TEM VIOLÊNCIA, NÃO TEM PERSEGUIÇÃO, NÃO TEM DISCRIMINAÇÃO.
POR ENQUANTO!
VAMOS DEFENDER NOSSO ANIMAIS?
DIVULGUEM AS AGRESSOES CONTRA TODA ESPÉCIE DE ANIMAL.
A NATUREZA AGRADECE.



O QUE VOCÊ ACHA DESSE ATLETA "DEFICIENTE" DISPUTAR AS OLIMPÍADAS DE 2008?
DÊ A SUA RESPOSTA E COMENTE SOBRE A FÔRÇA DE VONTADE DESSE CORREDOR.
AS SUAS PERNAS BIÔNICAS DARIAM VANTAGENS A ELE?

quinta-feira, 22 de maio de 2008

O PREÇO DO AMOR



O PREÇO DO AMOR.


Uma tarde, um menino aproximou-se de sua mãe, que preparava o jantar, entregou-lhe uma folha de papel com algo escrito. Depois que ela secou as mãos e tirou o avental, ela leu:


1- Por cortar a grama do jardim: R$ 1,00


2- Por limpar meu quarto esta semana: R$ 2,00


3- Por ir ao supermercado em seu lugar:R$ 2,00


4- Por cuidar do meu irmãozinho enquanto você ia às compras:R$ 2,00


5- Por tirar o lixo toda semana:R$ 1,00


6- Por limpar e varrer o quintal:R$ 2,00


7- Por ter um bom boletim com boas notas:R$ 25,00





TOTAL DA DÍVIDA: R$ 36,00





A mão olhou o menino, que aguardava cheio de expectativa. Finalmente, ela pegou um lápis e no verso da mesma folha de papel, escreveu:





1- Por levar-te nove meses em meu ventre e dar-te vida: NADA;


2- Por tantas noites sem dormir, curar-te e orar por você: NADA;


3- Pelas preocupações e pelos prantos que me causaste: NADA;


4- Pelo medo e pelas aflições que me esperavam por sua causa: DADA;


5- Por comidas, roupas e brinquedos: DADA;


6- Por dedicar minha vida a você, adaptando meu trabalho, minha moradia, meu lazer: NADA.





CUSTO TOTAL DO MEU AMOR: NADA.





Quando o menino olhou, terminou de ler o que sua mãe havia escrito, tinha os olhos cheios de lágrimas. Olhou nos olhos da mãe e disse:





" Eu te amo mamãe!!!".





Logo após, pegou um lápis e escreveu com uma letra bem grande.





TOTALMENTE PAGO!





Para os que ainda tem a felicidade de terem suas mães, reflitam... Ainda a tempo.


Para os que já perderam o contato físico, lembre-se de que ainda existem outras mães ( sua esposa, por exemplo ) para você dedicar o carinho, a gratidão, o respeito. E não esqueçam que sua postura digna e correta são os melhores presentes que suas mães podem ter, onde que que estejam. Não sintam remorsos. Ao invés de chorarem lamentando não terem lido esse texto antes, enviem pensamentos positivos, busquem lembranças carinhosas... E orem agradecendo a Deus por aquela que tanto amor dedicou a vocês. ( Autor desconhecido )





Obs.: Esse texto foi postado com atraso, propositalmente.












MÃE, INVENÇÃO DE DEUS!

PARABÉNS!!!!!!!!!

sexta-feira, 16 de maio de 2008

MUDANÇA NA ORTOGRAFIA

16/5/2008 19:40:00 Veja o que muda para os brasileiros com o novo acordo ortográfico
Brasília - O Parlamento de Portugal aprovou hoje (16) o acordo ortográfico que unifica a forma como é escrito o português nos países lusófonos. As mudanças vão valer dentro de seis anos. No Brasil, onde o acordo já foi aprovado, os livros escolares deverão ser modificados até 2010.
Segundo a BBC Brasil, o polêmico texto foi aprovado por deputados de todos os quadrantes políticos – desde o CDS, à direita, até o Bloco de Esquerda –, com três votos contrários e muitos deputados abandonando o plenário durante a votação. A iniciativa contrária à reforma com maior impacto em Portugal foi uma petição na internet, que tentou convencer parlamentares a votar contra o acordo.
O documento, que criticava a proposta por entender que o acordo significava que Portugal cedia aos interesses brasileiros, teve mais de 35 mil assinaturas desde o início do mês, grande parte delas de intelectuais.
"A língua portuguesa é o maior patrimônio que Portugal tem no mundo", afirmou o deputado Mota Soares, do partido CDS, à BBC Brasil. Os estudos lingüísticos que basearam o acordo indicam que os portugueses terão mais modificações do que os brasileiros. O dicionário português terá de trocar 1,42% das palavras, enquanto no Brasil apenas 0,43% sofrerão mudanças.
Para os portugueses, caem as letras não pronunciadas, como o "c" em acto, direcção e selecção, e o "p" em excepto e baptismo.
A nova norma acaba com o acento no "a" que diferencia o pretérito perfeito do presente (em Portugal, escreve-se passámos, no passado, e passamos, no presente).
Algumas diferenças vão continuar. Em Portugal, polémica e génesis manterão o acento agudo – o Brasil continuará escrevendo com o circunflexo.
O conteúdo do acordo foi aprovado há 16 anos, mas não podia entrar em vigor sem que pelo menos três parlamentos de países de língua portuguesa ratificassem o protocolo. Além de Portugal, Brasil, São Tomé e Príncipe e Cabo Verde já ratificaram o texto. Faltam Angola, Moçambique, Guiné-Bissau e Timor Leste.
O protocolo aprovado em Lisboa abre, segundo a Agência Lusa, a possibilidade de adesão de Timor Leste, que ainda não era um Estado soberano quando o acordo foi aprovado.
Para o governo português, a aprovação do acordo é o primeiro passo para a existência de uma política internacional da língua portuguesa, que será anunciada quando Portugal assumir a presidência rotativa da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), em julho deste ano.
"É necessário agora desenvolver uma política de internacionalização, consolidação e aprofundamento da língua portuguesa, e o acordo ortográfico é um instrumento para isso", afirmou o ministro da Cultura, Antônio Pinto Ribeiro.
ABL considera "marco histórico" aprovação de acordo ortográfico por Portugal
O presidente da Academia Brasileira de Letras (ABL), Cícero Sandroni, considerou um “marco histórico” a aprovação hoje (16) do acordo que unifica a forma como o português é escrito nos países que falam a língua. Em nota oficial, Sandroni informou que a ABL começou a trabalhar na elaboração do acordo no início dos anos 1970.
A nota da ABL também traz a opinião do acadêmico Evanildo Bechara. Para ele, a reformulação “demonstra o alto grau de maturidade política alcançado pelos países da Comunidade de Países da Língua Portuguesa (CPLP). Trata-se de uma importante demonstração de efetiva e inteligente tomada de posição dos órgãos governamentais, coadjuvados [auxiliados] pelas agências culturais de que dispõem as sociedades de nossos países”, afirmou Bechara no comunicado.
Outro acadêmico que se expressou por meio da nota oficial foi o ex-presidente da ABL Marcos Vilaça, que também considerou “madura” a posição portuguesa. “Portugal acaba de dar prova de grande maturidade e modernidade. A simplificação e unificação ortográfica trarão inúmeros benefícios para a comunidade lusófona. A simplificação do emprego do idioma vai possibilitar o incremento das relações culturais entre nós”, disse.
Confira as alterações que o novo acordo trará para o português escrito no Brasil:
Alfabeto
Passará a ter 26 letras, ao incorporar “k”, “w” e “y”
Trema
Deixará de existir, só permanecerá em nomes próprios, como Hübner ou Müller
Acento agudo
Desaparecerá nos ditongos abertos “ei” e “oi” em palavras como “idéia” e jibóia” e nas palavras paroxítonas com “i” e “u” tônicos, quando precedidos de ditongo em palavras como “feiúra”
Acento circunflexo
Desaparecerá em palavras com duplo “o”, como vôo e enjôo e na conjugação verbal com duplo “e”, como vêem e lêem
Acento diferencial
Não se usará mais acento para diferenciar “pára” (verbo) de “para” (preposição) ou “pêlo” (substantivo) de pélo (verbo) e pelo (preposição mais artigo)
Hífen
Desaparecerá em palavras em que o segundo elemento comece com “r” e “s”, como “anti-rábico” e “anti-semita”. A grafia passará a ser “antirrábica” e “antissemita”. O hífen será mantido quando o prefixo terminar em “r”, como em “inter-racial”
Agência Brasil

quarta-feira, 14 de maio de 2008

PADRE FICOU MALUCO

É possível crer em Deus e extraterrestres, diz padre
Roma- O diretor do Observatório Astronômico do Vaticano, padre José Gabriel Funes, declarou que "é possível crer em Deus e nos extraterrestres" e "se pode admitir a existência de outros mundos e outras vidas, até mais evoluídas que a nossa, sem por isso colocar em discussão a fé na criação, na encarnação e na redenção".
Em
entrevista ao jornal Osservatore Romano, o astrônomo jesuíta confirmou que a nova sede do observatório astronômico, que ficará em um monastério em Albano, deverá estar pronta dentro de um ano. Para lá serão transferidos os laboratórios, salas de estudo e a biblioteca do observatório, que se encontram na atual sede no Palácio Apostólico de Castel Gandolfo.
Para o padre, ainda que "muitos astrônomos não percam a oportunidade de fazer declarações públicas de ateísmo, é um pouco mito acreditar que a astronomia favoreça uma visão atéia do mundo". "Parece que exatamente quem trabalha no observatório oferece o melhor testemunho de como é possível crer em Deus e fazer ciência de modo sério", disse Funes.
"Assim como existe uma multiplicidade de criaturas sobre a Terra podem existir outros seres, também inteligentes, criados por Deus. Isso não contrasta com nossa fé, porque não podemos colocar limites na liberdade de
criação de Deus. Para falar como São Francisco, se consideramos as criaturas terrenas como "irmão" e "irmã", por que não podemos falar também de um "irmão extraterrestre"? Também seria parte da criação", acrescentou.
Segundo a Ansa, quando questionado sobre a possibilidade de tais extraterrestres serem pecadores, o padre afirmou: "Jesus reencarnou uma vez para todos. A reencarnação é um evento único e não pode ser repetido. Assim, estou seguro de que também eles, de algum modo, teriam a possibilidade de ter a misericórdia de Deus, assim como aconteceu para nós humanos".

As informaçõessão do Terra

sábado, 3 de maio de 2008

UM MILHÃO DE EUROS


1 millón de euros para un matemático que da con la `fórmula´ de la existencia de Dios

Un matemático polaco -sacerdote católico- se ha embolsado el premio académico mejor dotado del mundo por un estudio que muestra cómo las matemáticas pueden ofrecer pruebas indirectas de la existencia de Dios, según The Times. El religioso es el profesor Michael Heller, de 72 años, un filósofo especializado en matemáticas y metafísica, que anteayer recibió los 1.069.000 euros del galardón, concedido por la Fundación Templeton en Nueva York. Las teorías de Heller no se centran tanto en ofrecer pruebas de la existencia de Dios como en suscitar dudas acerca de la realidad. Su especialidad son las fórmulas complejas que son capaces de explicar cualquier cosa, incluso el azar, a través del cálculo matemático. Heller es profesor en la facultad de filosofía en la Academia pontificia de teología de Cracovia (Polonia) y fue amigo del papa Juan Pablo II. La investigación de Heller "ha ampliado el horizonte metafísico de la ciencia", según fuentes de la Fundación Templeton, que desde hace 35 años concede el premio al Progreso hacia la investigación o desarrollo de realidades espirituales. La cantidad del premio se ajusta anualmente para seguir siendo mayor que la del Premio Nobel, concedido por la Fundación Nobel.


LA CAUSA DE TODAS LAS CAUSAS No han trascendido los detalles de la argumentación de Heller, que ha emitido un comunicado en el que en definitiva reflexiona acerca de la causalidad. "Si preguntamos sobre la causa del universo deberíamos preguntar sobre la causa de las leyes matemáticas. Al hacerlo nos situamos en el gran plan maestro de Dios al pensar el Universo, ante la pregunta sobre la causalidad definitiva: por qué existe algo en vez de no existir nada?", señala Heller. "Al preguntarlo, no estamos preguntando sobre una causa como otras causas. Preguntamos sobre la raíz de todas las causas posibles", añade. "La ciencia no es sino un esfuerzo colectivo de la mente humana para leer la mente de Dios desde las preguntas de las cuales nosotros y el mundo parecemos estar hechos".
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Increíble ¿verdad? para los que pensabamos que la apologética no tenía nada que ver con lo racional....Michael nos tapó la boca....
Estoy pensando hacer una investigación seria acerca del por qué de la existencia del temor basada en cuántos dobleces de papel se necesitan para hacer una grulla origami...

PERIGO À VISTA

Publicado em 18/4/2008 16:58:21
Ativistas gays arriscam nossa vida - e somos obrigados a tolerar
Autor: Matt BarberFonte: CNSNews
A ciência moderna às vezes serve para confirmar verdades eternas da Bíblia (não que a verdade objetiva precise de confirmação). Romanos 6:23 contém duas verdades nesse sentido, mostrando-nos o outro lado de uma preciosa moeda e oferecendo-nos tanto uma advertência nua e crua quanto uma promessa eterna: "Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus nosso Senhor".Vezes sem conta lançamos essa moeda, apostando nossos melhores interesses na cara ou coroa. Todos nós pecamos, mas pelo fato de que Cristo voluntariamente pagou a pena — sofrendo morte na cruz em nosso lugar — somos redimidos. Precisamos apenas crer nele, e o dom da vida eternal é nosso. Podemos confessar nossos pecados, nos arrepender (o que inclui nos esforçar para não repetir esses pecados) e seguir em frente.No entanto, há gente que, em vez do lado polido da moeda, prefere o lado manchado. Com coração altivo e "orgulho" cínico, eles deliberadamente escolhem o pecado, em vez de Cristo; a morte, em vez da vida.É uma verdade que todos vêem e a própria ciência médica a sustenta, mas a Palavra de Deus vai mais além ao nos fazer recordar que tanto no Antigo quanto no Novo Testamento aqueles que escolhem se envolver na conduta homossexual fazem essa opção correndo riscos deliberados.Considere Romanos 1:26-27 (NVI), que um candidato presidencial esquerdista recentemente mencionou como uma "passagem obscura em Romanos": "Por causa disso Deus os entregou a paixões vergonhosas. Até suas mulheres trocaram suas relações sexuais naturais por outras, contrárias à natureza. Da mesma forma, os homens também abandonaram as relações naturais com as mulheres e se inflamaram de paixão uns pelos outros. Começaram a cometer atos indecentes, homens com homens, e receberam em si mesmos o castigo merecido pela sua perversão".É triste quando as pessoas cedem a tentações sexuais descontroladas que podem literalmente matá-las espiritualmente, emocionalmente e fisicamente. Ninguém com algum sentimento de compaixão sente prazer em ver os outros "receberem em si mesmos o castigo merecido pela sua perversão". Mas uma das conseqüências do livre arbítrio é viver (ou morrer) com as escolhas que fizemos.Entretanto, o assunto é totalmente diferente quando condutas depravadas colocam os outros em risco. Isso não deveria — e não deve — ser "tolerado".Os atuais regulamentos sanitários dos EUA proíbem homens que têm sexo com homens (HSH) de doar sangue. Estudos realizados pela Vigilância Sanitária (CDC e FDA) confirmam categoricamente que se os HSH tivessem permissão de doar sangue, a população geral seria colocada em risco.De acordo com o FDA, os HSH "têm uma preponderância de ter o HIV 60 vezes mais elevada do que a população geral, 800 vezes mais elevada do que os doadores de sangue iniciantes e 8.000 vezes mais elevada do que freqüentes doadores de sangue. [Os HSH] também têm risco mais elevado de ter outras infecções que podem ser transmitidas a outros mediante transfusão de sangue. Por exemplo, a infecção com o vírus da Hepatite B é até 6 vezes mais comum, e as infecções do vírus da Hepatite C são até 2 vezes mais comum em [HSH] do que na população geral", de acordo com o FDA.Um recente estudo do CDC abalou a população homossexual ao descobrir que embora os HSH sejam apenas um a dois por cento da população geral, eles são responsáveis por 64 por cento de todos os casos da epidemia de sífilis.E Matt Foreman, ex-diretor executivo da Força Tarefa Nacional de Gays e Lésbicas, abalou mais ainda seus camaradas ativistas gays ao confessar: "O HIV é uma Doença Gay".Embora os riscos se estendam muito além da infecção potencial do HIV, o FDA comenta: "Todo o sangue doado é testado para se descobrir a presença do HIV, mas se o sistema imunológico do doador não tiver produzido uma quantidade testável de anticorpos, o vírus pode passar sem ser detectado". Isso representaria um "risco absolutamente maior para as pessoas que recebem transfusões de sangue, se houver uma mudança nas leis".Mas arriscar vidas é ao que tudo indica algo que preocupa muito pouco os ativistas homossexuais radicais, como Joe Solmonese, presidente da tão chamada "Campanha de Direitos Humanos" (CDH), o maior e mais radical grupo homossexual de pressão política dos EUA.Solmonese recentemente colocou interesses políticos acima da ciência, declarando falsamente que essa precaução prudente de saúde pública é "discriminatória". Ele exigiu a eliminação da proibição, alegando de forma extremamente irresponsável: "Não há argumento médico ou científico para sustentar essa política discriminatória".À luz dos dados médicos irrefutáveis, a exigência de Solmonese não é só negligente, mas incrivelmente perigosa. Infelizmente, seus colegas extremistas também fazem a mesma exigência.Na África do Sul, militantes homossexuais fazem "manifestações de protesto" deliberadamente e secretamente violando a proibição dessa nação, tencionando inundar os bancos de sangue com 70.000 unidades. Quem é que sabe agora quanto sangue foi contaminado ou quantas pessoas inocentes foram infectadas? Isso não é forma de protestar. Isso é agir com violência.Recentemente, a deputada estadual Sally Kern, de Oklahoma, foi cruelmente atacada e brutalmente difamada, até mesmo recebendo ameaças de morte, por dizer publicamente que "a agenda homossexual está destruindo a nação". Ela foi ao ponto de dizer que, em sua opinião, as condutas homossexuais e o ativismo gay representam uma ameaça maior do que o terrorismo.Pessoas inteligentes conseguem debater essa opinião, mas as ações dos ativistas gays da África do Sul dão um exemplo entre muitos que pareceriam ilustrar o que ela quis dizer. Deliberadamente e dissimuladamente desobedecer a legítimos regulamentos de saúde e segurança — com muita probabilidade contaminando o abastecimento de sangue e infectando incontável número de pessoas inocentes — parece bastante como terrorismo para mim.Sally Kern não precisa se preocupar, pois sua declaração é bem confirmada, mas Joe Solmonese terá muita dificuldade para defender que não há perigo os homossexuais doarem sangue. Com seu erro estúpido, ele prejudicou seriamente sua própria credibilidade e provocou um tremendo atraso no movimento radical que ele lidera (o que em si é realmente algo muito bom).É falta de consciência que ele queira colocar uma agenda política enganosa e perigosa acima da saúde e bem-estar de homens, mulheres e crianças. Os ativistas homossexuais que desonestamente clamam por "direitos iguais" deveriam colocar acima de suas próprias ambições egoístas os "direitos" dos outros que são saudáveis.Não se deve ignorar — nem se deve eliminar — importantes regulamentos de saúde simplesmente para promover alguma noção torcida de "tolerância" e "diversidade" ou de modo que uma minoria pequena de pessoas possa se sentir melhor acerca das escolhas de estilo anormal de vida que fizeram.Os usuários de drogas injetáveis também são proibidos de doar sangue, mas ninguém em sã consciência exigiria que os viciados tivessem permissão de doar. Não é por causa de quem eles são; é por causa do que eles fazem. Os estudos acima mencionados, e muitos outros como eles, provam que, como no caso do uso de drogas injetáveis, a sodomia anal homem com homem é uma conduta de risco extremamente elevado.Como eu já disse muitas vezes, condutas anormais geram conseqüências naturais. Lamentavelmente, doenças infecciosas prejudiciais e muitas vezes mortais podem ser exatamente uma dessas conseqüências.Traduzido e adaptado por Júlio Severo:www.juliosevero.com.br;www.juliosevero.com

quarta-feira, 23 de abril de 2008

INSANIDADE .




ALGUÉM PODE SER SANO, FAZENDO UMA COISA DESSAS?
PARA QUE SERVE?
QUAL O MOTIVO DESSE SACRIFÍCIO?
QUE DEUS POSSA LIVRAR ESSAS PESSOAS, TRANSFORMANDO SUAS MENTES.

LÁGRIMA BONITA


ESTA É A LÁGRIMA QUE GOSTARÍAMOS DE VER SEMPRE NO ROSTO DAS PESSOAS. UMA COISA LINDA. NÃO UMA LÁGRIMA DE TRISTEZA.

segunda-feira, 21 de abril de 2008

REFLEXÕES

COLOQUE A VERGONHA DE LADO.

" Em lugar da vossa vergonha tereis dupla honra, em lugar da afronta exultareis na vossa herança; por isso na vossa terra possuireis o dobro e tereis perpétua alegria." ( Is 61:7 )

" NÃO CORRA ATRÁS DAS SUAS BORBOLETAS; CUIDE DO SEU JARDIM, E ELAS VIRÃO ATÉ ELE." ( Autor desconhecido )

ISSO NÃO VAI FICAR ASSIM.
Veja o que diz o texto abaixo:

"Contende, Senhor, com os que contendem comigo; peleja contra os que contra mim pelejam." ( Sl 35: 1 )

REFLITA SOBRE ESTE TEXTO.

ERRAR É HUMANO, MAS PERSISTIR NO ERRO É BURRICE.

" Quem insiste no erro depois de muita repreensão, será destruído, sem aviso e irremediavelmente." ( Pv29:1 ) - NVI

sábado, 19 de abril de 2008

SEM PACIÊNCIA.

HOJE, REALMENTE EU ESTOU SEM PACIÊNCIA.
MAS,GARANTO QUE AMANHÃ EU VOU POSTAR UMA MENSAGEM MUITO BONITA.
BOM FERIADO PARA TODOS, E QUE DEUS OS ABENÇOE.

quarta-feira, 16 de abril de 2008

MAIS 171 NA ÁREA

Pastor oferece poção anti-dengue para fiéis tomarem durante cultos
Posted: 15 Apr 2008 01:05 PM CDT
RIO - "Proteção divina contra a dengue". A promessa, contida num copinho de plástico, era oferecida durante um culto da Igreja Universal do Reino de Deus na Catedral Mundial da Fé, em Del Castilho. Das mãos do pastor Adalberto, os fiéis recebiam uma dose de óleo misturado a azeite. Como noticiou Ancelmo Gois em sua coluna no GLOBO, a instituição neopentecostal vem realizando atos contra a doença nas manhãs dominicais. O panfleto que convida os fiéis para o culto diz que eles receberão "um cálice com óleo santo, para que todos sejam livres desta epidemia". No último domingo, repórteres do GLOBO testemunharam que o pastor recomendou que o azeite fosse tomado. No fim, o pastor distribuiu ainda uma capa protetora para caixas d'água de 500 litros e disse que haveria outros cultos às 15h e às 18h. Ao ser informado sobre a distribuição do "óleo santo" pela seita, o Ministério da Saúde afirmou em nota que recomenda que as pessoaos não se auto-mediquem e procurem atendimento médico. O órgão alertou ainda que a dengue é uma doença grave e pode matar. Por fim, reiterou que não existe vacina nem qualquer medicamento específico para a doença. Enquanto isso, pesquisadores indianos comprovaram que o extrato da planta Solanum villosum tem ação repelente e é eficaz no combate às larvas do Aedes aegypti, como também noticiou Ancelmo Gois. Para o entomologista Anthony Érico Guimarães, da Fiocruz, trata-se apenas de mais uma arma de combate à epidemia, que não deve ser vista como "a salvação da pátria". Cerca de 200 técnicos da Fiocruz e voluntários se uniram nesta segunda-feira a moradores de 15 favelas da região de Manguinhos para combater focos de Aedes e coletaram amostras de larvas em 121 focos. Várias estavam em caixas d'água destampadas ou mal vedadas. As larvas serão examinadas pelo Laboratório de Controle de Pragas e Vetores da Diretoria de Administração do Campus, em conjunto com pesquisadores. O mutirão foi uma iniciativa de líderes comunitários, que procuraram o instituto para obter apoio técnico. Fonte: O Globo Online

domingo, 13 de abril de 2008

MEDITAÇÃO

" SE, NO EVANGELHO, VOCÊ CRÊ NO QUE QUER E IGNORA O QUE NÃO QUER, VOCÊ NÃO CRÊ NO EVANGELHO, MAS EM SÍ MESMO." ( Agostinho )

UMA SEMANA ABENÇOADA A TODOS, EM NOME DE JESUS.
GRAÇA E PAZ.

FIÉIS ENGANADOS EM SÃO PAULO

Milhares de fiéis estão indo até à cidade de Macatuba, a 315 Km de São Paulo, para ver uma imagem de Cristo que tem um líquido vermelho escorrendo dos olhos.
Um Farmacêutico local examinou o material, e sugeriu que o mesmo se parecia com sangue, e que aconteceu como se tivesse feito com sangue normal. Uma análise muito superficial, feita pingando água oxigenado como reagente.
O que mais me chama a atenção, é que as autoridades eclesiásticas, embarcam nessa canoa furada, talvez com o intuito de arrebanhar mais pessoas para a sua igreja.
Só quem não conhece um pingo de Bíblia é que embarca numa onda dessas.
Os padres conhecem a Palavra de Deus, mas não interessa divulgá-la.

Na Bíblia de Jerusalém, que é a usada na Igreja Católica, no livro de Sabedoria de Salomão, capítulo 13 e verso 10 diz o seguinte: " São uns DESGRAÇADOS, põem sua esperança em seres mortos, estes que chamam deuses a obras de mãos humanas, ouro, prata, lavrados com arte, figuras de animais, ou uma pedra inútil, obra de mão antiga."

Note-se que esse sangue é visto por fiéis como um milagre.
É muita ingenuidade, acumpliciada com essa turma de enganadores vestidos de preto.

SER EVANGÉLICO TRAFICANTE PODE?

SEXO NÃO PODE.

"Evangélico, o chefe do tráfico do Morro do Dendê, Fernandinho Guarabu, instaurou a censura na TV a cabo pirata - Gato Net - da favela. Estão proibidos os canais de sexo. O moço acha que não são bons para as crianças." ( Jornal Extra - 13/04/08 )

É incrível como se usam títulos de evangélicos, apenas para denegrir a imagem dos mesmos.
Em qual igreja esse pirata assiste cultos. O Pastor sabe disso? Se sabe, é conivente, e não me venham com essa de dizer que está evangelizando o mancebo!
Se ele está frequentando determinada denominação, e o Pastor sabe da situação delituosa do cabrito, tem que denunciar à polícia, sob pena de conivência com o crime.

segunda-feira, 7 de abril de 2008

PRECISAMOS DIVULGAR

PL 122/06: mobilização contra restrição à liberdade religiosa
Tsuli NarimatsuJornalista da Portas Abertas
Com o fim do recesso parlamentar por conta das festas de fim de ano e do Carnaval, o Congresso Nacional começa a retomar os trabalhos que ficaram parados. Isso inclui o trâmite de votação do PLC 122/06, que está novamente prestes a ser apreciado pela Comissão de Direitos Humanos do Senado.
Faz parte da estratégia usada pelos senadores (e também por deputados e vereadores) a falta de transparência na agenda dos trabalhos legislativos – o que impede que o povo conheça com antecedência o que está para ser votado, e portanto, não consiga se mobilizar em tempo.
No dia 19/03/2008, o PLC 122/06 quase chegou a ser votado pela Comissão de Direitos Humanos do Senado. Mas a relatora Fátima Cleide (PT-RS) – que é uma das principais defensoras da aprovação da lei de homofobia tal como está – resolveu tirá-lo da pauta, provavelmente pela falta de quórum para a sua aprovação.
Corre à boca pequena que existiria um acordo para que um senador pedisse novamente vistas do processo, ou seja, um prazo maior para avaliação.
Ocorre que essa é uma ferramenta geralmente usada para ganhar tempo. Na prática, por causa da falta de transparência na agenda, o relator espera o dia mais apropriado, ou seja, que tenha mais senadores favoráveis ao projeto, para colocá-lo em votação.
Desse modo, diversas leis que interferem diretamente na vida dos cidadãos são aprovadas. E foi exatamente assim que o projeto foi aprovado na Câmara dos Deputados, em uma sessão esvaziada, quando a bancada evangélica estava ausente.
Muitos deputados à época não criam na aprovação de uma lei tão absurda que fere a liberdade de pregação da Bíblia Sagrada (leia mais), entre outros pontos. Mas o projeto chegou ao Senado e, se aprovado, dali seguirá direto para a sanção do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que já se manifestou ser a favor.
É por esses motivos que conclamamos todos os cidadãos a se engajarem em uma ampla mobilização para exigir a participação maciça dos 36 senadores que integram a Comissão de Direitos Humanos nas reuniões que vão definir o futuro do projeto no Senado. Só assim poderemos garantir que manobras de última hora não sejam usadas por ativistas defensores do projeto.
Lembre-se: nossa liberdade religiosa, de interpretação e pregação – não apenas de trechos bíblicos como também do Alcorão e da Torá – podem sofrer um "cala boca".
Se o PLC 122/06 for aprovado como está, você poderá assistir pastores, padres, rabinos e xeiques presos. A realidade da Igreja Perseguida pode se tornar a realidade da Igreja Brasileira. Sem contar que seremos obrigados a "contrabandear" Bíblias cujo original não foi censurado!
Clique aqui para saber o endereço e o telefone dos 36 senadores e ver uma sugestão de modelo de carta.
Entenda toda a polêmica e o risco que os brasileiros estão correndo por meio do PLC 122/06 e do PL 6418/2005 aqui!
Modelo de carta: "Senador, hora de voltar ao trabalho!"
Fonte: Missão Portas Abertas
Divulgação: www.juliosevero.com

terça-feira, 1 de abril de 2008

Hoje, dia 1º de abril de 2008, li no jornal EXTRA uma reportagem, e junto, uma versão que me chamou a atenção.
E olha que não é mentira.
Vejam o que estão tocando em festas de jovens com o apoio dos pais e, até de pastores, que participam dessa reuniões.

" DANÇA DO CÉU"

" Pra ir pro céu, tem que ter muita oração/ Pra ir pro céu tem que ter é santidade/ Porque o inimigo ele não dá mole, não/ Porque só Jesus Cristo é que salva de verdade/ Céééu/ Aí mané, quero ver todo mundo que vai pro céu/ que tem certeza de que vai pro céu/ Jogando a mão direita e diz assim/ Céééééuu/ (...) Aí mané, só quero te dizer que se você não for pro céu/ satanás crééééúu!

Realmente, é a banalização das coisas de Deus, com a conivência de pais e "pastores".
Vale uma reflexão do que está acontecendo nesses dias.
Está dando vontade de fazer como Jesus fez no templo com relação ao comércio na casa de Deus. É muito chocante!

Graça e Paz - Lanes

domingo, 23 de março de 2008

A MORTE DE CRISTO

AFINAL, EM QUE DIA MORREU JESUS?
Quarta ou Sexta-feira?
Páscoa é um termo hebraico "que significa passagem (o anjo da morte 'passou' sobre as casas dos israelitas"). "Os judeus computavam o tempo pelo sistema inclusivo. O dia inicial era o 'primeiro' dia, mesmo que dele só restassem algumas horas; o dia imediato era o 'segundo'; e as primeiras horas do dia que vinha em seguida já eram consideradas 'terceiro dia.'"
GRÁFICO DOS DIAS
Há um grupo religioso que defende com muita determinação a idéia de que Jesus morreu na quarta-feira e ressuscitou no Sábado. Para tal, apóia-se num único verso existente na Escritura. Ei-lo: Mateus 12: 40.
"Pois, como Jonas esteve três dias e três noites no ventre da baleia, assim estará o Filho do Homem três dias e três noites no seio da terra."
Os membros desta igreja entendem que Jesus teria que passar, morto, setenta e duas horas, sem um segundo a menos ou a mais, o que é tarefa difícil de provar. Interessante que, se por um lado há apenas um único texto que informa "três dias e três noites", por outro existem sete que, tratando do mesmo acontecimento (morte do Senhor), cristalinamente consignam três dias. Ei-los:
Mateus 26:61 – "...derribar o templo de Deus e reedificá-lo em três dias".Mateus 27:40 – "...e em três dias o reedificas..."Mateus 27:63 – "...depois de três dias ressuscitarei."Marcos 8:31 – "...mas que depois de três dias ressuscitaria."Marcos 14:58 – "... e em três dias edificarei."Marcos 15:29 – "...derribas o templo, e em três dias o reedifica."João 2:19 – "...derribarei este templo, e em três dias O levantarei."
Observe que são sete contra um, e o mesmo Mateus relata outras três vezes apenas três dias. Ora, se uma vez informa "três dias e três noites" e se três vezes menciona "três dias", é evidente que mais peso deverá ter a referência repetida pelo mesmo evangelista, não acha? Isso indica que a expressão "três dias e três noites" foi uma expressão casual, não absoluta. Já pensou porque os demais evangelistas não repetiram a mesma expressão? Mormente sendo sinóticos?
As dez passagens seguintes mencionam que Jesus iria ressuscitar no terceiro dia, contado de Sua morte, sem se importar com os minutos ou segundos: Luc. 9:22; Mat. 17:23; Luc. 18:33; Mat. 20:19; Mar. 9:31; Luc. 13:32; Mar. 10:34; Luc. 24:7 e 46; Mat. 16:21).
Conferiu?IMPORTANTE – A morte de Jesus na sexta-feira não foi acidental nem casual, mas profética, por estas duas razões fundamentais e bíblicas:
1ª – Todas as profecias do Antigo Testamento que apontavam para Jesus e Sua obra de redenção precisavam ter cumprimento literal, para que ficasse caracterizado ser Ele o Messias. Uma delas evidencia Sua ressurreição no primeiro dia da semana. Era a festa das primícias. O sacerdote, neste ritual, movia o molho perante Deus "ao seguinte dia do Sábado" (Lev. 23:10 e 11). Assim, Cristo teria que ressuscitar neste dia, para cumprir mais esta profecia e se fazer "as primícias dos que dormem" (I Cor. 15:20 e 23).
2ª – Jesus Cristo precisava passar o Sábado da redenção descansando de Sua obra redentora, como fizera no Sábado da criação, para confirmá-lo eternamente como o dia de repouso para todos os cristãos. Daí por que Jesus não poderia morrer nem segunda, terça, quarta, quinta ou domingo.
PROVAS ESCRITURÍSTICAS DA MORTE DO SENHOR NA SEXTA-FEIRA,SEGUNDO O EVANGELISTA MARCOS
– (Marcos 15:1-4) Estes versos narram os últimos acontecimentos na vida de Jesus. Foi Ele crucificado à hora terceira (9:00h – v. 25) e morreu à hora nona (15:00h – v. 34).Verso 42 –"E, chegada a tarde, ... o dia da preparação, isto é, véspera do Sábado."
Nota-se claramente por esta escritura que Jesus morreu na sexta-feira, e Lucas, o médico gentio, define cristalinamente, identificando a sexta-feira (dia da preparação) como o dia que antecede o Sábado semanal. Diz ele:
Lucas 23: 54 – "E era o dia da preparação, e amanhecia o Sábado."
Trocando em miúdos: Sexta-feira é dia da preparação, véspera do Sábado. A própria palavra "preparação" quer dizer sexta-feira (paraskeuê).Pois bem, nesta sexta-feira fatídica, José de Arimatéia, um dos ricos príncipes de Israel, foi pedir o corpo de Jesus a Pilatos, para o sepultar. Mar. 15:43.
CONSIDERE:
• Não é estranho que, se Jesus tivesse realmente morrido na quarta-feira, José só teria ido pedir o corpo do Mestre dois dias depois?• Não estaria este corpo decomposto, haja vista suas carnes repuxadas penderem sob o pesado corpo na cruz?• Não teria sido uma desumanidade deixar o corpo do Senhor exposto à intempérie e desalento durante 48 horas?• Qual a finalidade de deixar Jesus dois dias dependurado no madeiro?Atente agora para a reação de Pilatos à solicitação do corpo do Senhor:
Verso 44 – "E Pilatos se maravilhou de que já estivesse morto..."
Por que Pilatos se surpreendeu de que Jesus já tivesse morrido naquela sexta-feira? –
Lógico, sua admiração devia-se ao fato de que há algumas horas apenas Jesus fora crucificado, e os supliciados duravam na cruz às vezes de 2 a 7 dias – vivos – mas Jesus, coitado, embora forte, depois de ter passado pela agonia do Getsêmani, padecido açoites, morreu de dilaceramento do coração, por causa dos pecados do mundo. Por isso Jesus não durou muito tempo vivo (apenas de 9 às 15:00 h), razão porque motivou a admiração do Governador.
Pilatos jamais se teria "maravilhado" da morte de Jesus, caso ela houvesse ocorrido na quarta-feira e José só tivesse pedido Seu corpo na sexta-feira; teriam transcorridos dois dias, o que era perfeitamente normal. Pilatos, entretanto, para ter absoluta certeza de que Jesus morrera, certificou-se com o seu chefe da guarda, e depois liberou o corpo (v. 45).
Não há por conseguinte nenhuma razão plausível, para se negar tenha O Senhor morrido na sexta-feira. A tangente por onde saem os que não aceitam esta verdade cristalina é afirmar que este dia da preparação mencionado pelos evangelistas não antecedeu ao Sábado do sétimo dia da semana, mas ao sábado cerimonial que foi a "páscoa que se deu na quinta-feira", da última semana de vida do Senhor, antes de Sua morte (Veja-se Doutrinal, págs. 151 e 152 – Igreja Adventista da Promessa). Será que foi assim? – Não! A Bíblia esclarece.
Marcos 16:1 – "E, passado o Sábado, Maria Madalena, e Maria, mãe de Tiago e Salomé, compraram aromas para irem ungí-Lo."
Se Jesus tivesse morrido na quarta-feira, haveria tremenda contradição na seqüência evangelística, pois diz o verso 2:
Marcos 16: 2 – "E, no primeiro dia da semana, foram ao sepulcro, de manhã cedo, ao nascer do Sol."
Outra vez está claramente identificado que se trata do Sábado do sétimo dia da semana, o dia que vem depois da sexta-feira, pois afirma Marcos: "...passado o Sábado (v. 1), surgiu o primeiro dia da semana (v. 2)."
Aplicada esta escritura à crença de que a páscoa se deu na quinta-feira, chegaremos ao seguinte panorama:
• Dia da morte do Senhor.
QUARTA-FEIRA • Dia da preparação (?!)
QUINTA-FEIRA • Dia da páscoa (sábado cerimonial?!)
SEXTA-FEIRA • ?!? (Este dia terá que ser transformado no primeiro dia da semana, pois dizem os evangelistas que aquela tarde do dia da morte de Jesus era o dia da preparação – véspera do Sábado (Mar. 15:42; Luc. 23:54; Mat. 27:57; João 19:42). E, passado o Sábado – surgiu – o primeiro dia da semana – domingo (Mar. 16:1 e 2; Luc. 24:1; Mat. 28:1; João 20:1).
EVIDENTE: No dizer dos irmãos da Igreja Adventista da Promessa, se a quinta-feira foi a páscoa (sábado cerimonial), a quarta teria que ser a preparação, e a sexta-fei-ra... (??!!) Isto prova que Jesus não morreu na quarta-feira.
Finalizando esta maratona no evangelho de Marcos, ele finaliza com esta jóia de verdade:Marcos 16:9 – "E Jesus, tendo ressuscitado na manhã do primeiro dia da semana, apareceu primeiramente a Maria Madalena, da qual tinha expulsado sete demônios."
Este texto demasiadamente claro na definição do dia da ressurreição do Senhor, foi alterado pelos irmãos promessistas que colocam a vírgula depois da palavra ressuscitado. ("E Jesus tendo ressuscitado, na manhã do primeiro dia da semana apareceu primeiramente a Maria Madalena...").
Desfigura-se assim a Escritura para sustentar uma doutrina que não tem fundamento sólido, nem embasamento bíblico, porque está firmado apenas sobre um texto isolado.SEGUNDO O TESTEMUNHO DE LUCAS – (Lucas 23:33-49)
Novamente são narrados os últimos acontecimentos da vida do Mestre. Depois de morto, Jesus foi retirado da cruz (v. 53); "E era o dia da preparação (sexta-feira) e amanhecia o Sábado." (v. 54). Lucas define cristalinamente que o dia que antecede o Sábado é a sexta-feira (dia de preparação), "conforme o mandamento" (v. 56). Veja como é claro! Que mandamento? – Moral, e não cerimonial!
Jesus morreu e foi retirado da cruz na sexta-feira. Foi colocado no sepulcro também neste dia (v. 55), depois os discípulos prepararam os ingredientes para o embalsamamento do corpo e descansaram no Sábado (v.56). No primeiro dia da semana bem cedo, foram as discípulas ao sepulcro (Luc. 24:1). Dois anjos apareceram e lembraram-lhes as palavras de Jesus que ressuscitaria no terceiro dia (Luc. 24:7).
Dois outros discípulos, neste mesmo PRIMEIRO DIA da semana (Luc. 24:13), dirigiam-se para Emaús, e, no trajeto, desconsolados, rememoravam os acontecimentos da sexta-feira passada, quando o próprio Jesus lhes aparece (Luc. 24:15) e interpela-os sem que eles O reconheçam (Luc. 24:16-17). Então os discípulos relatam ao viajor (Jesus) os acontecimentos do Calvário (Luc. 24:19-20), finalizando com esta esclarecedora declaração:
Lucas 24: 21 – "E nós esperávamos que fosse Ele o que remisse a Israel; mas ago- ra, sobre tudo isso, é já HOJE o terceiro dia desde que essas coisas aconteceram."DOMINGO – 3º Dia (" ... que essas coisas aconteceram...")
OBSERVE SÁBADO – 2º Dia
SEXTA-FEIRA – 1º Dia – Morte de Jesus
Jesus, então, identificando-Se confortou-os com palavras messiânicas e proféticas (Luc. 24:31-49). Para desanuviar as dúvidas, vamos destacar este verso:
Lucas 24: 46 – "... convinha que o Cristo padecesse, e ao terceiro dia (domingo- primeiro dia da semana) ressuscitasse dos mortos."
Veja, terceiro dia, e não "três dias e três noites". Tudo claro! Tudo certo! Agora, imagine, tivesse Jesus morrido na quarta-feira, o quadro seria este:CERTO ERRADO
DOMINGO 3º Dia ... 4º Dia
SÁBADO 2º Dia 3º Dia
SEXTA-FEIRA ...................... 1º Dia 2º Dia
QUINTA-FEIRA ..................... ? ..................... 1º Dia
QUARTA-FEIRA ..................... ? .................... ?
Houvesse Jesus ressuscitado no Sábado, o discípulo teria errado ao dizer: "É já hoje o terceiro dia...", pois em realidade seria então – o domingo – o 4º dia, e não o 3º, "desde que essas coisas (suplício do Salvador) aconteceram", e pior, para ser verídica esta hipótese, o Senhor teria que ter morrido na quinta-feira (?!).
SEGUNDO O TESTEMUNHO DE MATEUS – (Mateus 27: 32-56)
Estes versos narram as cenas finais da crucificação.
Morreu Jesus à hora nona (15:00 horas, vv. 45,46,50). Era sexta-feira. E logo após Sua morte, antes que o Sol se pusesse, José foi pedir o corpo a Pilatos para sepultá-Lo em seu túmulo (vv. 57-58). Agora o esclarecimento cristalino:
Verso 62: "E no dia seguinte, que é o dia depois da preparação, reuniram-se os príncipes dos sacerdotes e os fariseus em casa de Pilatos."
REPARE BEM:
• "Dia seguinte" – (Sábado, pois o óbito se deu na sexta-feira).• "Que é o dia depois da preparação" – (Sábado, é o único dia que vem logo depois da sexta-feira, que sempre foi e será o dia de preparação bíblica).
Mateus serve-se de uma circunlocução (rodeio de palavras) para deixar bem claro e patente que Jesus morreu na sexta-feira. Depois de morto, os ânimos não se serenaram. Os sacerdotes reuniram-se no Sábado com o Governador, receosos da ressurreição de Cristo (v. 63-64) que se daria, sem dúvidas, conforme a profecia, no terceiro dia (domingo), o que ocorreu de fato. Mateus 28: 1.
NÃO ESQUEÇA: A sexta-feira, até hoje, é conhecida bíblicamente como o dia da preparação para o santo Sábado do sétimo dia da semana.
RESUMO
SEXTA-FEIRA - 1ª DIA • Morre Jesus Cristo à 15:00 horas.• Jesus descansa no sepulcro, de Sua obra de redenção.
SÁBADO – 2º DIA • Sacerdotes tramam boicotar a Sua ressurreição.
DOMINGO – 3º DIA • Ressurreição. Vitória.Como você pode comprovar, e com clareza: Três dias do calendário.Profecia cumprida. Aleluia!
SEGUNDO O TESTEMUNHO DE JOÃO – (João 19: 17-42)
Este evangelista, de forma clara e incisiva, estabelece o dia da morte de Jesus na sexta-feira, como também identifica que a páscoa foi no Sábado, naquela semana derradeira do ministério de Jesus. Vamos ler:
João 19: 14 "E era a preparação da páscoa, e quase à hora sexta (*); e disse aos judeus: Eis aqui o vosso Rei."
Ora, se os acontecimentos que culminaram com a morte de Jesus foram na sexta-feira, e Seu óbito se deu também na sexta-feira, e este dia era a preparação da páscoa, logicamente a páscoa se deu no Sábado do sétimo dia da semana. Senão, veja o que diz João 19:Versos 17-27 – narram as cenas da crucifixão;Verso 30 – focaliza a morte de Jesus;
E o verso 31 diz: "Os judeus, pois, para que no Sábado não ficassem os corpos na cruz, visto como era a preparação (pois era GRANDE aquele dia de Sábado), rogaram a Pilatos que se lhes quebrassem as pernas, e fossem tirados."
Clareza maior não pode haver. Por que era "GRANDE" aquele Sábado, após a morte do Senhor, a ponto de chamar a atenção do evangelista em seu registro?– Por que nesta semana, a da morte de Cristo, a páscoa coincidiu cair no Sábado do sétimo dia da semana, e não na quinta-feira.
Assim, o Sábado cerimonial ocorreu no Sábado moral.
O cordeiro da páscoa era morto no dia 14 e comido no dia 15 de Nisã (Êxo. 12: 6-10). O cordeiro pascal foi morto na sexta-feira (dia 14), e comido no Sábado (dia 15), da última semana ministerial de Jesus. Por isso Jesus jamais poderia morrer em outro dia que não a sexta-feira.
João 19: 42 – "Ali pois (por causa da preparação dos judeus, e por estar perto aquele sepulcro), puseram a Jesus."
– Por causa de quê?! – PREPARAÇÃO!Ora, aí está mais que claro – SEXTA-FEIRA – é o dia de preparação dos judeus até o dia de hoje. Este vocábulo – preparação – identifica SEMPRE o dia seguinte que é o Sábado moral e nunca cerimonial.
(*) Equivalente a 12:00 h do sistema palestino de contar o tempo. João foi o único dos evangelistas que empregou o sistema romano de contar o tempo, pois escreveu seu evangelho, "na última década do primeiro século, quando os costumes dos conquistadores (romanos) se impunham nas áreas conquistadas."
Recapitulando
Os evangelistas confirmam:
• Jesus teria que morrer! E morreu!• Teria que ressuscitar ao terceiro dia! E ressuscitou!
Jesus então morreu na sexta-feira. Por que negar?Por isso, as 72 horas completas, sem um minuto a mais ou a menos, é uma exigência que não deve prosperar, porque não tem respaldo nos evangelhos, e é tão somente, um texto isolado.
Esta expressão "três dias e três noites", tinha para os orientais, especialmente dos tempos de Jesus, uma conotação diferente dos ocidentais. Específicamente os palestinos usavam a "contagem inclusiva" para contar o tempo, e, este "incluia o dia (ou ano) inicial, bem como o dia (ou ano) final; sem considerar como pequena, fosse a fração do dia iniciante ou findante." – Atalaia, 4/81, pág. 11.
EXEMPLO: uma criança nascida no dia 15 de dezembro de 1995, ao chegar o dia 31 de dezembro de 1995, para os judeus teria um ano e não quinze dias; e a partir do dia 1º de janeiro, já contava dois anos.
"A maneira de contar o tempo empregada na Bíblia é chamada contagem inclusiva, que considera tanto a primeira como a última unidade de tempo incluídos no período. Este sistema era também usado por outras nações, como se pode ver através de documentos. Uma inscrição egípcia que registra a morte de uma sacerdotisa no quarto dia do 12º mês, relata que o sucessor dela chegou no 15º dia, quando se passaram 12 dias. É evidente que, pela nossa maneira de contar, diríamos que os doze dias, passados a partir do 4º dia, chegariam à data de 16." – The Seventh-Day Adventist Bible Commentary, Vol. II, pág. 136. Grifos meus.
Arnaldo B. Christianini, em seu livro "O Ídolo da Quarta Feira", apresenta uma enxurrada de exemplos de contagem inclusiva na Bíblia. Alinharemos dali, dois apenas, para esclarecer ao irmão o que é contagem inclusiva. Estão às páginas 17 e 21.
"O bebê israelita era circuncidado quando tivesse 'oito dias' de idade, segundo lemos em Gênesis 17:12...No entanto, a circuncisão ocorreria 'no oitavo dia' (Lev. 12:3), ou melhor 'ao oitavo dia' (Luc. 1: 59). É evidente, é indesmentível, que o oitavo dia se incluía na contagem. O oitavo dia era parte integrante do período de oito dias, simplesmente porque a contagem bíblica é inclusiva, e não ocidental, como a usamos hoje."Na descrição do episódio da enfermidade, morte e ressurreição de Lázaro, temos mais uma prova da contagem inclusiva e para isso basta simples cotejo de versículos:
"João 10: 40; 11:3 – Jesus estava em Betânia... aldeia de Marta e Maria...Essas mulheres enviaram um emissário para avisar a Jesus da enfermidade de Lázaro. O emissário gastou um dia para ir lá, e nessa ocasião Lázaro já havia morrido.
"João 11: 6 – Jesus deliberadamente decide demorar-Se ali mais dois dias."João 11: 7 – Decidiu Jesus voltar à Judéia, e nisso gastou um dia de viagem, perfazendo quatro dias, e lá chegou no quarto dia.
"Agora o mais importante. Em João 11: 39 lemos a expressão de Maria: 'É já de quatro dias.' No entanto, no original grego está: "já é do quarto dia".
"É conclusiva a expressão 'é já do quarto dia'. Tão lógica que o próprio Taylor, assim a traduziu e comentou:
'É cadáver de quatro dias. Ou 'do quarto dia'. A viagem de quem trouxe o recado sobre a doença de Lázaro levou um dia. A volta de Jesus gastou outro dia. O Mestre demorou-se dois dias antes de partir.'
"Resumindo: no 'quarto dia' Jesus constatou que Lázaro falecera havia 'quatro dias' (v. 17). Era a contagem inclusiva, em uso no Oriente. Necessariamente o quarto dia estava incluído no período." Grifos meus.
Desanuviada pois a dificuldade para entender-se a contagem de tempo bíblica, resta-nos ver patenteada a harmonia dos evangelhos, que confirma com clareza absoluta a morte de Jesus na sexta-feira e Sua ressurreição no domingo, satisfazendo plenamente o que dizem as Escrituras.
SEXTA-FEIRA – Morte de Jesus – (passou parte deste dia no sepulcro).SÁBADO – Descansou – (passou todo este dia no sepulcro).DOMINGO – Ressuscitou – (passou parte deste dia no sepulcro).
Três Dias – (Mar. 8: 31; 14: 58. Mat. 26: 61; 27:40, 63. João 2: 19. Mar. 15: 29). Claro, claríssimo! Três dias do calendário.
Vale ressaltar aqui a perpetuidade e santidade do Sábado, pois neste dia, sim, Jesus passou as suas vinte e quatro horas com todos seus minutos e segundos descansando de Sua obra redentora.
A "contagem inclusiva", que foi a contagem de tempo dos dias de Jesus, como vimos, indicava que dois dias podem ser um dia e meio, ou um dia e parte de outro, etc. Por isso ninguém deve exigir que os "três dias e três noites" mencionados por Mateus devam ser rigorosamente setenta e duas horas exatas.
Meu irmão, minha querida irmã, não faça do sinal de Jonas, um "cavalo de batalha", que lhe roube a capacidade de distinguir as coisas simples de Deus. O sinal de Jonas deve ser aplicado honestamente, como uma representação da morte de Jesus, em suas fases maravilhosas (Criação e Redenção), pois os evangelistas assim criam e a descreveram, mas não se perderam em minudências de minutos e segundos. Dizem eles:
Lucas 11: 30 – Jonas foi sinal para os ninivitas.Mateus 16: 4 – Jonas seria sinal para a geração de Jesus.Mateus 12: 39 – Não seria dado outro sinal, senão o de Jonas.
Meu amado, o sinal de Jonas não são os minutos e segundos, e sim o acontecimento, porque realmente a experiência deste profeta foi cercada por ocorrências fantásticas do poder e da misericórdia de Deus. Assim como Deus ordenou ao grande peixe lançá-lo à terra, ordenou à sepultura devolver à vida O doador dela. Jesus e Jonas desceram ao "inferno". Ambos dele escaparam vitoriosamente.
"Assim como Jonas escapara da morte para pregar aos ninivitas a mensagem de arrependimento e salvação, do mesmo modo Cristo, através de Sua ressurreição, levaria a todos que O aceitassem à salvação." – Atalaia, 4/81, pág. 10.
Nisto aqui deve-se dar a devida atenção como o grande sinal de Jonas, e não aos minutinhos que ninguém pode provar foram observados rigorosamente no seio da terra. Outrossim, pedir sinal era um costume dos judeus. I Cor. 1: 22.
DETALHES
Outro interessante sinal de Jonas, está nos quatros capítulos do livro que leva seu nome. No primeiro capítulo Jonas – correu de Deus. No segundo Jonas – correu para Deus. No terceiro Jonas – correu com Deus. No quarto Jonas correu –adiante de Deus.Meu querido irmão, preciosa irmã, se você pegar ao pé da letra este texto isolado dos "três dias e três noites", deverá fazê-lo também para outros textos isolados da Escritura, como por exemplo, Marcos 9:43: "E, se a tua mão te escandalizar, corta-a, melhor é para ti entrares na vida aleijado, do que, tendo duas mão ires para o inferno, para o fogo que nunca se apaga." COMPLETO ABSURDO E HERESIA!
Basta ler os evangelhos

• Você crê na literalidade dele?• Você crê que os pecadores ficarão eternamente queimando?• E Baleia, pode engolir um homem?
Por favor, evitem correr adiante de Deus, porque contagem, cálculo ou cômputo inclusivo, indica que:
• Qualquer fração de um dia era contada como um dia completo.• Qualquer fração de um ano era contada como um ano completo.
No Japão, até o fim da segunda guerra mundial, empregava-se este método. Este é o método do exemplo da criança nascida em 15 de dezembro, lembra-se? Que o Todo Poderoso Deus lhe abençoe muitíssimo. Glória a Deus!
Estudo extraído do cap.29 do livro Assim Diz O Senhor.fonte: http://www.adventistas-bereanos.com.br/estudosbiblicos/quandomorreujesusquartaousextafeira.htm

Essa discussão, só nos leva a crer, cada vez mais que Cristo Ressuscitou. Seja na quarta ou na sexta-feira, a sua morte foi para nos livrar de TODO pecado e nos dá a vida eterna.
Vale, apenas, para nos conscientizarmos de que Ele está vivo, e reina para todo o sempre.