terça-feira, 3 de agosto de 2010

REFLEXÃO - Posso tudo?


" Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas me convém; todas as coisas me são lícitas, mas eu não me deixarei dominar por nenhuma." (1Co 6:12)
Muitos de nós, deparamos com pessoas que dizem que isso é proibido; aquilo é proibido, etc. Vamos refletir: você bebe? Não? Por que não? Cada um dá uma resposta; quem bebe diz: eu bebo sim. Quem não bebe diz: eu não bebo. A verdade é que beber ou não beber não vem ao caso. O importante é discernirmos o que está certo ou o que esta errado. Você pode beber, mas não convém que você beba. Você pode, eventualmente, até matar; é lícito, mas não convém que você mate, a não ser em legítima defesa; e, mesmo assim se não houver outra maneira de se sair dessa "fria". Tudo me é lícito, mas nem tudo me convém. Quantos de nós deixamos de amar o nosso irmão. É lícito, mas não é bom que façamos isso. O apóstolo Paulo diz em Romanos 12:10: " Amai-vos cordialmente uns aos outros com amor fraternal, preferindo-vos em honra uns aos outros."

Portanto, sejamos prudentes quanto àquilo que desejamos fazer. Podemos tudo, mas não devemos fazer tudo, porque não nos convém. Um dia abençoado, em nome de Jesus.

J. Lanes

Nenhum comentário: